Destaques Saúde

Região registra queda de 70% nos casos prováveis de dengue

Por Beatriz Silva / Redação

8 de janeiro de 2021

Foto: Divulgação

PASSOS — De acordo com o último boletim epidemiológico da Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG), divulgado na quarta-feira, 6, ao longo de 2020 houve uma redução de 70,29% dos casos prováveis (notificados exceto os descartados) de dengue entre os 26 municípios da região, quando comparado ao ano de 2019.

Entre a 1ª e a 53ª semana epidemiológica de 2020, o Estado notificou 2.193 casos prováveis de dengue na região. Já no mesmo período do ano anterior, com 5 mil registros a mais, foram computadas 7.382 notificações da doença. Ultrapassando o percentual de queda local, Passos apresentou diminuição de 78,25% no total de notificações suspeitas ou confirmadas de dengue. Durante o ano passado, 749 casos prováveis foram listados, ante 3.444, em 2019.

Ainda para o município, a equipe de Vigilância Sanitária deve realizar, na próxima semana, o Levantamento Rápido de Índices para Aedes Aegypti (LIRAa), o estudo é utilizado para verificar o Índice de Infestação Predial (IPP) nas localidades, no entanto, até o encerramento desta edição da Folha, a data exata não foi divulgada.

Quanto aos territórios com diferença mais expressiva nos resultados de casos prováveis, Alpinópolis notificou 16 situações em 2020, quando comparado aos resultados de 2019, período em que 157 casos foram identificados, a retração é de 89,80%. Em sequência, São Sebastião do Paraíso apresentou queda de 86,93% dos casos prováveis, passando de 1.783 para 233 notificações durante os 12 meses do ano passado.


Estado

A queda expressiva identificada na região também foi vista em todo o estado de Minas Gerais. Para 2020, a Secretaria de Saúde registrou 84.529 casos prováveis de dengue, já no ano anterior, o resultado foi de 483.733, uma redução de 82,52%. Dos números referentes ao ano passado, 58.126 casos foram confirmados para a doença. Quanto aos óbitos, foram confirmados 13 mortes pelo agravo e há 57 falecimentos em investigação.

Veja a tabela com os casos prováveis de dengue entre 2019 e 2020 – CLIQUE AQUI!