Destaques Saúde

Programação do Outubro Rosa tem palestra sobre câncer

11 de outubro de 2021

Foto: Reprodução.

PIUMHI – A Secretaria da Saúde segue com a programação do Outubro Rosa durante a semana. Na última sexta-feira, 1º, a abertura da campanha teve a parceria com a Amparo para realização de uma carreata pelas ruas da cidade, alertando sobre o início das atividades. Já na terça-feira, 5, aconteceu uma palestra com o tema “Câncer de Mama: fatores de risco e prevenção”, com as médicas ginecologistas e obstetras Ana Carolina Botelho Cardoso e Tainara Tavares Menchete, no Cine Victor Agresta. A secretária municipal da Saúde, Rosângela Terra, e sua equipe também estiveram presentes.

As médicas explicaram às presentes sobre os tipos de câncer, como é feita a prevenção e tratamento, além dos cuidados que as mulheres devem ter, principalmente, através do diagnóstico precoce: exame de toque, mamografia e atenção às modificações da mama. Após a palestra, a médica, Vanessa Vianna, e a dermatologista, Fernanda Craide, deixaram seus depoimentos de superação, incentivando o público presente ao tratamento e a importância do pensamento positivo para vencer a doença.

No final, as participantes tiveram um momento de relaxamento com a terapeuta da Saúde da Mulher, Rilsa Kelle, e em seguida, o secretário municipal de Abastecimento, Pecuária e Meio Ambiente Arthur Rezende Delfim, fez suas ponderações, e entregou mudas de graviola às mulheres presentes, planta conhecida por possuir potencial anticâncer.

Durante o mês, também haverá palestras nos Programas de Saúde da Família (PSFs) em relação a esse assunto.
A coordenadora do Saúde da Mulher, Tassyane Tavares, explica que não há uma causa única para o câncer de mama e são diversos os fatores que estão relacionados ao desenvolvimento da doença, como envelhecimento, determinantes relacionados à vida reprodutiva da mulher, histórico familiar de câncer de mama, consumo de álcool, excesso de peso, atividade física insuficiente, entre outros.

Em Piumhi, a coordenadora informou que são realizadas várias ações para a prevenção do câncer de mama e de útero, como a busca ativa de mulheres para realização de mamografia ou ultrassom de mama e exame preventivo de citopatologia do colo uterino.

“Esses exames de rastreamento são disponibilizados para todas as mulheres dentro da faixa etária e com fatores de risco, e, quando alterados, essas mulheres são encaminhadas para diagnóstico e início do tratamento”, destacou Tassyane.

A secretária de Saúde, Rosângela Terra, explicou como é feito o protocolo de exames de mamografia no município e que os encaminhamentos estão sendo feitos dentro do prazo correto. Ainda segundo ela, após a consulta, é feita uma triagem para ver o grau de evolução da doença e, posteriormente, o encaminhamento para mamografia e em seguida para tratamento.