Destaques Saúde

Prefeitura esclarece falta de atualização em dados da covid-19 em site do estado

Por Beatriz Silva / Redação

6 de fevereiro de 2021

Foto: Divulgação

ALPINÓPOLIS — Enquanto o último boletim epidemiológico da Prefeitura de Alpinópolis, divulgado ontem, informa 417 casos de infecções pelo novo coronavírus, sendo que cindo resultaram em óbitos por covid-19, no documento publicado pelo site da Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG), desde o fim de 2020, o município permanece com 190 casos e cinco mortes. Conforme Vanessa Pimenta Cartuchi, chefe de Vigilância Ambiental em Saúde, a diferença deve ser corrigida nos próximos dias, após liberação da Superintendência Regional de Passos (SRS-Passos).

Vanessa informou que o município se preocupa em proporcionar transparência em relação aos dados, porém, o acesso ao sistema que alimenta o boletim estadual seria restaurado nesta sexta-feira, pela regional.

Comecei a atuar como chefe de Vigilância Ambiental em Saúde no dia 4 de janeiro, desde então, não foi possível alimentar o sistema. Hoje (sexta-feira), a regional está arrumando para mim, e se comprometeu em me encaminhar os dados, porém, até então, não os recebi”, disse Vanessa.

De acordo ela, o ritmo de infecções pelo novo coronavírus tem diminuído devido a ações coletivas.

Tivemos uma alta considerável dos casos na primeira quinzena de janeiro. Isso, certamente, devido ao relaxamento das medidas e a festas no final do ano passado. Chegamos a registrar 32 casos confirmados em um só dia. Então, formamos um novo comitê, mais representativo, e buscamos apoio direto dos comerciantes e da população. Dessa forma, conseguimos melhorar os indicadores. Ontem (quinta-feira), confirmamos apenas um caso positivo na cidade e, na sexta-feira, não houve nenhuma confirmação. Apesar dos números ainda serem altos em Alpinópolis, e sabermos que a pandemia está em um momento crítico, vemos que nossos esforços estão surtindo efeito. Um novo decreto já foi editado e a cidade progrediu para a onda amarela”, disse Vanessa.

A chefe de Vigilância Ambiental em Saúde também afirma que, apesar do ritmo de infecções por covid-19 estar diminuindo, é importante que a população mantenha medidas sanitárias para impedir a propagação do vírus.

Estamos contentes com os índices decrescentes que o município tem apresentado. Para que os resultados continuem em queda, pedimos que todos tomem os cuidados básicos necessários, tal como o uso de máscaras, álcool em gel 70% e evitar aglomerações. Com a proximidade do período de Carnaval, reforço a importância de que sejam evitados os festejos, para que possamos reduzir ainda mais as chances de transmissão da doença”, concluiu.