Destaques Saúde

Prefeitura de Piumhi inicia vacinação antirrábica

3 de setembro de 2021

Foto: Divulgação.

PIUMHI – A prefeitura de Piumhi deu início nesta quarta-feira, 1º, e segue até o dia 30 de setembro a campanha de vacinação antirrábica. De acordo com o coordenador municipal de Endemias, Luiz Henrique Vieira Mota, serão vacinados somente cães e gatos acima de três meses.

Uma tenda será montada na Praça Dr. Avelino de Queiroz, a praça da Matriz, próxima ao Centro Emergencial da Covid-19, onde ocorrerá a vacinação durante todo o mês, de segunda à sexta-feira, das 8h às 16h.

O início da campanha será na zona rural, sendo que as localidades a serem visitadas pelos agentes serão anunciadas nas rádios com antecedência. Por isso, é importante que os proprietários deixem as porteiras abertas e os animais presos para auxiliar o trabalho.

Segundo o coordenador, essa campanha é importante para que não haja uma nova incidência da raiva humana, que nas últimas décadas foi minimizada em todo país, a qual foi combatida com a vacinação desses animais. A expectativa é de que mais de oito mil animais sejam vacinados em todo município.

O Dia D ocorrerá no sábado, 11 de setembro, das 8h às 16h, quando haverá o mutirão de vacinação em todos os pontos estabelecidos pela Vigilância. Nesse dia a vacinação acontecerá nos seguintes pontos: PSF Bossuet Costa (Atalaia); parque de Exposições “praça de alimentação” (Cruzeiro); PSF João Guilherme “Tó” (Elisa Leonel); PSF Maria Rezende (Alvorada); estacionamento da Canex (Nova Piumhi); Poliesportivo (Novo Tempo); Praça João Gatti – Curumim (Pindaíbas); PSF Inhô Firmino (Lagoa de Trás) e SUS/Vigilância em Saúde (Centro).

Outro ponto é que as vacinas não podem ser levadas para as residências e os animais têm que ser imunizados nos pontos de vacinação respectivos.

Mota ressaltou que as pessoas devem se dirigirem aos locais de vacinação usando máscara, obedecendo os protocolos de segurança de enfrentamento à covid-19.

Outras informações podem ser obtidas na Vigilância em Saúde/Endemias, situada à Praça Dr. Avelino de Queiroz nº 75, centro, ou pelo telefone 3371-9255

Cães e gatos a partir dos três meses de idade são o público-alvo da campanha, e a recomendação é que a dose seja aplicada uma vez por ano. O motivo é que esses animais são os principais transmissores da raiva para o ser humano.

O coordenador explicou ainda que os cães e gatos que forem vacinados pela primeira vez devem receber a segunda dose após um mês. Os proprietários desses animais devem levá-los na sala da Vigilância para serem imunizados depois desse período.