Destaques Saúde

População deve manter cuidados em academias

22 de agosto de 2020

Foto: Divulgação

BELO HORIZONTE – O chefe de gabinete da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG), João Pinho, pediu a conscientização da população ao manter os cuidados preventivos contra o novo coronavírus diante das novas flexibilizações permitidas pelo plano Minas Consciente.

O que você também vai ler neste artigo:

  • Diferenças entre municípios
  • Informações de qualidade

Nesta semana, o plano permitiu que cidades que estejam na Onda Amarela reabrissem, com todos os protocolos de segurança, academias de ginástica e agências de turismo. Pinho falou sobre a importância da conscientização, principalmente, entre usuários de serviços comerciais e de atividades esportivas, que devem ter cuidados redobrados ao se exercitarem nas academias.

Pedimos para que todos tomem as medidas necessárias para que não precisemos voltar nessa decisão. Pior do que não avançar é ter que fechar mais atividades econômicas”, alertou.

Diferenças entre municípios

As diferenças de ondas entre municípios próximos foram explicadas por João Pinho durante a coletiva virtual. Ele esclareceu que o Plano de Regionalização Estadual de Saúde divide Minas Gerais em 14 macrorregiões de saúde e que, além delas, há as microrregiões.

Pode ser que municípios próximos um dos outros estejam em microrregiões diferentes e em diferentes ondas. Cidades com menos de 30 mil habitantes e incidência para a covid-19 baixa poderão estar na Onda Amarela, com uma maior flexibilização das atividades, enquanto um município vizinho, com 45 mil habitantes, naquele momento esteja na Onda Vermelha, onde o contágio pelo vírus esteja maior”, explicou, acrescentando ser importante verificar no site do Minas Consciente as informações completas referentes a cada cidade.

Ele destacou que o monitoramento constante feito pelos técnicos do Governo de Minas é fundamental para o controle referente às fases de cada região.

Em breve haverá cidades indo para a Onda Verde que, no plano, está prevista depois de quatro semanas em que a localidade esteve na Onda Amarela. Na semana que vem podemos ter algumas regiões nessa fase, se os indicadores foram suficientes para isso”, disse.

Informações de qualidade

De acordo com o boletim epidemiológico desta sexta-feira, Minas Gerais registrou 188.623 casos confirmados da covid-19 e 4.663 óbitos ocasionados pelo vírus. Durante a coletiva, João Pinho ressaltou a importância do site Coronavírus em Minas, que traz informações de qualidade sobre o assunto. Pinho destacou o Dicionário da Pandemia, que traz, de forma clara, explicações sobre os novos termos usados neste momento.

Outras ferramentas informativas em destaque são as redes sociais das autoridades estaduais de saúde, como as páginas no Instagram da SES-MG (@saudemg), do secretário Carlos Eduardo Amaral (@drcarloseduardoamaral), e do secretário adjunto Marcelo Cabral (@marcelocabraltavares).  Nelas, há transmissões ao vivo das autoridades abordando assuntos sobre o contexto da pandemia no estado.