Destaques Saúde

PMP realiza 900 cirurgias eletivas em fila de espera com 3,8 mil

Por Adriana Dias / Redação

23 de outubro de 2021

Foto: Reprodução.

PASSOS – Desde o início da pandemia as cirurgias eletivas ficaram paralisadas em Passos. De uma demanda reprimida de 3.896, agora, com a situação mais tranquila nos hospitais e com a população em cerca de 50% já imunizada, o prefeito Diego Oliveira deu início no dia 11 de outubro às cirurgias eletivas. Com recursos próprios, já foram aplicados R$1,5 milhão para o atendimento de 900 pessoas.

De acordo com o prefeito Diego Oliveira, as cirurgias eletivas estão voltando a ser realizadas e em breve terá uma segunda remessa.

“Nesta primeira etapa estão sendo atendidos 300 pacientes de varizes, 300 de vesícula, 100 de hérnia, 100 laqueaduras e 100 vasectomias. Devemos realizar o mesmo número na segunda etapa”, assegurou o chefe do Executivo passense.

Durante o período de pandemia as únicas cirurgias eletivas que foram realizadas eram de catarata, há cerca de 3 meses foram atendidas 300 pessoas. Todos os atendimentos com recursos próprios.