Destaques Saúde

Piumhi usa tenda para vacinar pessoas de 68 a 70 anos

Por Laura Oliveira Hostalácio / Folha da Manhã com Onda Oeste FM

30 de março de 2021

Rosângela Guerra durante entrevista em frente a tenda de vacinação, na praça da Matriz. / Foto: Divulgação

PIUMHI – A Secretaria de Saúde de Piumhi inicia hoje, 30, a vacinação contra a covid-19 em idosos com 68, 69 e 70 anos. A imunização será feita em uma tenda instalada na Praça Dr. Avelino de Queiroz, também conhecida como praça da Matriz, localizada em frente à Central Municipal de Vacinação. Para receber o medicamento no local é necessário comparecer com o Cadastro de Pessoas Físicas (CPF), um comprovante de endereço e um número de telefone para contato.

Nas faixas etárias anteriores, os enfermeiros e agentes se deslocavam até a residência dos idosos, onde aplicavam a vacina. Agora, devido a maior quantidade de pessoas nas faixas etárias abrangidas e à possibilidade de não serem encontrados nas residências, a secretaria optou pela montagem da tenda ao ar livre.

As pessoas dessa faixa etária e abaixo são pessoas que trabalham e que a gente não está tendo muito êxito em encontrar nas casas. Essas pessoas, às vezes, não estão nas residências, estão trabalhando, e isso está dificultando o nosso trabalho”, afirmou a secretária de Saúde de Piumhi, Rosângela Guerra.

Segundo ela, a secretaria definiu um cronograma para organizar a vacinação. Hoje, dia 30, das 7h às 9h, serão vacinados apenas pacientes cadastrados nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) Maria Rezende e no Rural. Das 9h às 11h, será a vez dos pacientes do Bossuet Costa e do Dona Tina. Já no período da tarde, das 13h até as 15h, a vacinação será nos pacientes da UBS Inhô Firmino.

Das 15h às 17h, será a vez do João Guilherme, também conhecido como Tó. Na quarta-feira, 31, das 7h às 10h, serão imunizados usuários da UBS José Martins. Das 10h às 12h, o Sudário dos Santos, enquanto das 13h às 15h serão do Joaquim Terra e do Totonha Tomé.

A secretária de Saúde afirma que a intenção da tenda não é de atender em sistema drive thru, mas que as pessoas com dificuldades de locomoção podem ir de carro até o local para receber a vacina.

Quem tiver carro e quiser trazer o parente como um drive thru pode trazer. A gente não vai funcionar somente como um drive thru, pelo contrário, a estrutura é para vir até aqui. As pessoas que não tem carro e quem tem parentes acamados, a partir dessa faixa etária, é só comunicar o seu PSF que iremos nessas casas”, disse Rosângela.