Destaques Saúde

Paraíso anuncia fim da onda roxa

12 de abril de 2021

Paraíso retorna à onda vermelha do programa estadual para a retomada da economia. / Foto: Divulgação

S. S. PARAÍSO – A Prefeitura de São Sebastião do Paraíso anunciou, na noite desta sexta-feira, 9, que o município deixa a onda roxa do Minas Consciente, a partir da próxima segunda-feira, 12, e retorna à onda vermelha do programa estadual para a retomada da economia, o que possibilita a volta das atividades comerciais consideradas não-essenciais, desde que respeitando todos os protocolos de segurança contra a covid-19.


O que você também vai ler neste artigo: 

  • Governo autoriza avanço em microrregiões
  • Onda vermelha

A decisão foi tomada com base na Deliberação 147, que reclassifica a microrregião de Paraíso na onda vermelha a partir do dia 12 de abril, publicada pelo Governo de Minas Gerais neste sábado, 10. Segundo informações da prefeitura, durante a sexta-feira, o prefeito Marcelo Morais se mobilizou para comprovar ao Estado que a incidência de contaminação e, consequentemente, o índice de contaminação em Paraíso eram suficientes para que a situação envolvendo a onda roxa no município pudesse ser reavaliada.

O deputado Noraldino Junior também participou da tratativa junto ao secretário de Estado de Saúde, Fábio Baccheretti Vitor.

Fico satisfeito com a decisão do Estado, porque Paraíso era a única cidade que estava na “onda verde” e essa decisão de levar todos para a “onda roxa” foi um prejuízo muito grande. Já faz 30 dias que o comércio ‘não essencial’ iria ficar fechado, mas com as ações do município, Paraíso fica apenas 15 dias fechado. Isso é um ganho para a população e para o comércio”, disse o prefeito.

Morais ainda destacou que assumiu com o Governo do Estado o compromisso de continuar com as fiscalizações no sentindo de coibir realizações de eventos e o cumprimento das medidas de segurança contra a Covid-19. Segundo a administração, na segunda-feira, 12, a prefeitura deve publicar decreto regulamentando o funcionamento da onda Vermelha.


Governo autoriza avanço em microrregiões

BELO HORIZONTE – As regiões de São Sebastião do Paraíso e de Guaxupé vão avançar para a onda vermelha do programa Minas Consciente. De acordo com o governo de Minas, a medida pode ser adotada a partir desta segunda-feira. A decisão foi tomada pela Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG), na última sexta-feira, após avaliação de que os indicadores como taxa de incidência da covid-19 e ocupação de leitos apresentaram melhora sustentada nas localidades.

A secretaria também aprovou, nesta sexta-feira, o avanço na macrorregião do Triângulo do Sul e outras microrregiões como São Gotardo, Montes Claros/Bocaiúva/Francisco Sá/Coração de Jesus e Taiobeiras, João Pinheiro e Unaí. As demais regiões do estado devem seguir, até o dia 18, as medidas decretadas na semana passada. Triângulo do Norte permanece na onda vermelha e as outras 12, na roxa.

Na última quarta-feira, o Comitê Extraordinário Covid-19, grupo que se reúne semanalmente para avaliar a situação da pandemia no estado, indicou o avanço da macrorregião Triângulo do Sul e de três microrregiões, mas a Secretaria de Saúde monitorou a situação para garantir que o cenário positivo se manteria favorável, possibilitando a abertura segura de mais atividades nos municípios. A Secretaria de Saúde continuará acompanhando os dados para regressão à onda roxa de forma imediata, em caso de necessidade.


Onda vermelha

Nesta fase do Minas Consciente, a onda vermelha permite o funcionamento de todas as atividades, desde que cumpram algumas regras, como distanciamento e limitação máxima de pessoas. Devido à melhora da incidência e menor pressão por leitos, a macrorregião Triângulo do Norte e a microrregião de Patos de Minas avançaram para essa fase na semana anterior, 31 de março, e serão mantidas nesta semana, conforme decisão do Comitê Extraordinário Covid-19 na última quarta-feira.

A macrorregião Triângulo do Sul e as microrregiões de São Gotardo, Montes Claros/Bocaiúva e Taiobeiras também apresentaram melhora nos indicadores e poderão avançar para a onda vermelha. A decisão foi mantida pela Secretaria de Estado de Saúde nesta sexta-feira. Nas microrregiões de João Pinheiro, Unaí, São Sebastião do Paraíso e Guaxupé, o retorno à onda vermelha pode ser a partir desta segunda-feira, 12. Todas as outras regiões do estado seguem na onda roxa. A evolução é acompanhada semanalmente pelo Comitê Extraordinário Covid-19.