Destaques Saúde

Minas Gerais terá Centro Nacional de vacinas

3 de setembro de 2021

Foto: Divulgação

O governador de Minas Gerais, Romeu Zema, assinou nesta quinta-feira, 02, em Brasília, o protocolo que oficializa a construção do primeiro Centro Nacional de Vacinas. A iniciativa tem a parceria do o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações e da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).

Com esse espaço, será possível promover a independência de tecnologia na produção de lotes-pilotos de vacinas e testes de diagnóstico para doenças humanas e veterinárias. Também tira o país da condição de refém da tecnologia internacional, agilizando a fabricação, por exemplo, de vacinas para infecções virais epidêmicas e pandêmicas, como malária, leishmaniose, doença de Chagas, zika, chikungunya, dengue e covid-19, contribuindo, assim, para o desenvolvimento socioeconômico do estado de Minas Gerais e do Brasil.

O Centro está orçado na ordem de R$ 30 milhões do Governo de Minas Gerais para a construção e importação de equipamentos laboratoriais, sendo R$ 12 milhões disponibilizados pela Fundação de Amparo à Pesquisa de Minas Gerais (Fapemig) e R$ 18 milhões pela Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG).