Destaques Saúde

Mais três pessoas morrem de covid em São Sebastião do Paraíso

Por Ralph Diniz / Especial

14 de outubro de 2020

VÍTIMAS TINHAM 65 E 77 ANOS E, ALÉM DA IDADE AVANÇADA, FAZIAM PARTE DO GRUPO DE RISCO DA DOENÇA EM RAZÃO DE OUTRAS COMORBIDADES. JÁ SÃO SEIS ÓBITOS NESTE MÊS. / Foto: Divulgação

S. S. PARAÍSO – O novo coronavírus causou mais três mortes em São Sebastião do Paraíso. Os óbitos ocorreram no último fim de semana. As vítimas eram dois homens com idade superior a 60 anos. O município atingiu 21 mortes em decorrência da covid-19 desde o início da pandemia – sete delas em outubro. Em Passos, uma mulher, de 50 anos, morreu no último dia 10, o que elevou o número de óbitos para 25 na cidade. Segundo boletim divulgado pela Prefeitura de Passos nesta terça-feira, o município atingiu 1,2 mil casos.

Na sexta-feira, 9, um homem de 65 anos que tinha graves problemas cardíacos morreu na Santa Casa de Misericórdia de Paraíso após testar positivo para a covid-19. Já no dia seguinte, um idoso de 77 anos também faleceu no hospital paraisense. Além da idade avançada, a vítima fazia parte do grupo de risco em razão de outras comorbidades. As vítimas foram sepultadas no Cemitério da Saudade, no fim de semana, conforme as normas da Vigilância Sanitária.

Os dados da Secretaria de Saúde mostram que, dos 21 óbitos registrados desde março, 14 ocorreram apenas nos últimos 45 dias. Ao todo, 18 vítimas tinham mais de 60 anos de idade. Além disso, o número de casos confirmados da doença saltou para 801. Desse total, 35 pacientes estão isolados em suas residências e outros oito estão internados na Santa Casa. Em relação aos casos suspeitos, 223 pessoas com sintomas semelhantes ao do novo coronavírus seguem em isolamento domiciliar. Há, também, um óbito sob investigação. Os resultados dos exames devem ser divulgados nos próximos dias. Ao todo, 25 pessoas com suspeita ou confirmação da doença recebem atendimento na enfermaria e quatro permanecem isoladas na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). As taxas de ocupação dos leitos são de 53% e 20%, respectivamente.