Destaques Saúde Variedades

Instrutor de Paraíso dá aulas de zumba pela internet

1 de abril de 2020

S.S. PARAÍSO – Ficar em casa o tempo todo tem sido uma das medidas mais difíceis no combate ao novo coronavírus. E pensando em ajudar as pessoas a vencerem o tédio e a ansiedade, um instrutor de São Sebastião do Paraíso oferece aulas gratuitas de dança online através de uma rede social. Cada transmissão atinge cerca de mil acessos a cada 48 horas.
O responsável pelo projeto é o educador físico Eduardo Vieira, que dá aulas de zumba duas vezes por semana por meio de sua conta no Facebook. A ideia surgiu a pedido de alunos que o professor tem em uma academia da cidade. Com o estabelecimento fechado por conta do risco de contágio da covid-19, a saída foi continuar com a dança através da internet. “Lembrei que eu sempre acompanhava pessoas fazendo live, surgindo assim a ideia de fazer uma aula teste. E deu tão certo que está sendo acompanhado por todos! Eu apenas entro ao vivo e eles fazem o restante, eles curtem, compartilham e ainda marcam outras pessoas”, contou.
Ainda de acordo com Eduardo Vieira, a prática de atividades físicas traz vários benefícios para a saúde – não apenas para o corpo, mas também para a mente. “A atividade física feita de maneira regular e moderada melhora o nosso sistema imunológico. A rotina de muitas pessoas sofreu alterações com o isolamento social por conta da pandemia de covid-19 e tal fato pode prejudicar o funcionamento fisiológico. Então, esses exercícios dentro de casa são uma grande alternativa para garantir o corpo e a mente saudáveis”.
Sempre que entra ao vivo nas terças e quintas-feiras, das 18h30 às 19h30, o instrutor é acompanhado por cerca de 150 alunos. Entretanto, como as aulas ficam disponíveis no perfil do professor, mais de mil pessoas acabam participando das aulas de zumbas nos dias seguintes. “É gratificante proporcionar a aula para as pessoas que estão em casa. E o retorno é apenas a missão de passar este momento de interação, socialização e atividade física, mesmo que sendo através da internet, para as pessoas se sentirem menos isoladas e, claro, mantendo sempre sua mente e corpo saudáveis e ocupados”, completou Vieira.
Aluna de zumba na academia e participante das aulas ao vivo via internet, a professora Mirian Sandes elogiou a atitude do instrutor: “Esse é um momento difícil para todos e essa ação é um ato de solidariedade, empatia e comprometimento com as pessoas que gostam e acreditam no trabalho do Eduardo. Além disso, as aulas são uma forma de colaborar para que as pessoas cuidem de sua saúde física e mental nesse tempo de restrição por causa de tudo o que está acontecendo no mundo”.