Destaques Saúde

Índices de vacinação de crianças em Passos estão abaixo do esperado

14 de setembro de 2020

Números apresentaram queda na cobertura vacinal contra gripe entre crianças de seis meses a quatro anos de idade. / Foto: Divulgação

PASSOS – O baixo índice de vacinação de crianças tem alarmado o governo de Minas Gerais. De acordo com informações da Secretaria de Estado de Saúde, nenhuma das metas de cobertura vacinal para crianças menores de 4 anos foi alcançada em 2020. A situação em Passos não é diferente. Um levantamento realizado pela Secretaria de Saúde do município indica que, entre doses das vacinas tríplice viral (sarampo, caxumba e rubéola), pneumocócica, contra a poliomielite e DTP (difteria, tétano e coqueluche), a média de aplicações não chegou a 70% do número estipulado como meta pelo Estado.

A menor cobertura foi a da DTP, no segundo reforço, que é aplicado em crianças de 4 anos: a taxa foi de 50%. Em seguida, está a pneumocócica, para crianças com 1 ano, que atingiu 51% da meta. A primeira dose da vacina contra a poliomielite, voltada a bebês de 2 meses, alcançou 55% do número pretendido. Já a tríplice viral e o segundo reforço contra a poliomielite, para crianças de 4 anos, empataram em 64%. O melhor resultado se deu na DTP aplicada quando a criança tem 1 ano de idade, com 66% de cobertura.

Os números preocupam o setor de saúde do município, já que, no ano passado, os resultados obtidos foram melhores. Segundo Priscila Soares Corrêa Faria, enfermeira referência técnica em imunização, os baixos índices podem ter um culpado: o novo coronavírus.

O problema maior foi esse ano, por conta da pandemia, em razão de as pessoas não estarem saindo de casa. Tivemos afastamento de alguns funcionários, também, por conta disso”, disse.

Algumas medidas estão sendo tomadas para aumentar a cobertura vacinal na cidade, como a parceria com a Atenção Primária, em que os agentes de saúde realizam visitas domiciliares, orientam e informam caso o cartão de vacinas da pessoa esteja incompleto. As salas de vacinação do município estão funcionando normalmente e seguem os devidos protocolos de segurança.