Destaques Saúde

Governo estadual envia 390.550 doses de vacinas contra covid-19 para Unidades Regionais

26 de abril de 2021

Foto: Divulgação

O Governo de Minas Gerais, por meio da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG) distribui, nesta segunda-feira (25/4), 390.550 doses de vacinas para as Unidades Regionais de Saúde (URSs) do estado. Os imunizantes compõem a 14ª remessa do Programa Nacional de Imunizações (PNI) para Operacionalização de Vacinação Contra a Covid-19 e darão continuidade à maior operação de vacinação da história de Minas Gerais.


O que você também vai ler neste artigo: 

  • Públicos Prioritários
  • Grupos atendidos até o momento 

Desta vez, a operação logística, que já conta com apoio das Forças de Segurança e Salvamento, disponibilizando as aeronaves do Batalhão de Operações Aéreas (BOA), do Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CBMMG), e efetivo terrestre da Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG) e da Polícia Civil (PCMG) para escolta dos insumos, estará fortalecida com a parceria feita com a Azul Linhas Aéreas, que transportará vacinas para as Unidades Regionais de Saúde de Montes Claros, Uberaba e Uberlândia.

A expectativa é de que até 15h as aeronaves do BOA tenham entregado todas as vacinas para as URSs de destino. Já a Azul Linhas Aéreas tem o último voo de entrega marcado para 17h25, decolando do Aeroporto de Confins rumo ao Aeroporto de Montes Claros.

É importante que os municípios observem a orientação feita pela secretaria, a partir dos informes técnicos emitidos pelo Ministério da Saúde, de que todas as doses entregues devem dar continuidade às campanhas de vacinação observando a cobertura dos públicos prioritários”, explica a coordenadora de Imunização da SES-MG, Josianne Gusmão.


Públicos prioritários

A 14ª remessa tem 316.750 doses da AstraZeneca e 73.800 da CoronaVac. De acordo com as diretrizes do Programa Nacional de Imunização (PNI), do Ministério da Saúde, os imunizantes desta remessa serão utilizados na vacinação da dose 1 para pessoas de 60 a 64 anos, e na dose 2 da população de 65 a 69 anos e das Forças de Segurança e Salvamento.


Grupos atendidos até o momento:

100% das pessoas idosas (igual ou superior a 60 anos) residentes em instituições de longa permanência (institucionalizadas) – ILPI;

100% das pessoas com deficiência, vivendo em residências inclusivas (institucionalizadas), maiores de 18 anos;

100% da população indígena aldeada em terras homologadas, maiores de 18 anos;

100% das pessoas com 90 anos ou mais

100% das pessoas com 85 a 89 anos

100% das pessoas de 80 a 84 anos

100% das pessoas de 75 a 79 anos

100% das pessoas de 70 a 74 anos

100% das pessoas de 65 a 69 anos

2,4% das pessoas de 60 a 64 anos

100% da população quilombola e ribeirinha

100% dos trabalhadores de saúde seguindo os critérios de prioridade.

18% das Forças de Segurança e Salvamento

Fonte: Plano de Nacional de Operacionalização da Vacinação Contra a Covid-19