Destaques Saúde

Dois são presos em Piumhi por homicídios

27 de abril de 2021

A corporação montou uma operação e o homem foi preso quando estava em um veículo. / Foto: Divulgação

S. J. BARRA – A Polícia Militar prendeu um homem, de 34 anos, suspeito de cometer um crime em Belo Horizonte e que estava foragido em São José da Barra. A prisão ocorreu na última sexta-feira. Segundo informações da PM, militares da Barra e de Alpinópolis desconfiaram do suspeito quando, há cerca de 30 dias, ele fugiu durante uma abordagem da corporação.

Por meio da Patrulha Rural, os militares descobriram que ele estava se escondendo em uma fazenda e que era foragido da Justiça, porém, ao tomar conhecimento que havia sido descoberto, o homem fugiu e passou a se esconder às margens do Rio Grande, próximo à ponte da represa de Furnas, onde montou um acampamento e utilizava esconderijos debaixo da terra para evitar ser capturado, e que ele havia adquirido duas armas de fogo e estava caçando para sobreviver.

Com base nas informações, os militares iniciaram buscas pelo local e, após levantamento, descobriram que o suspeito iria fugir para a Belo Horizonte e avisaram a PM em Piumhi. A corporação montou uma operação e o homem foi preso quando estava em um veículo, na praça de pedágio na rodovia MG-050.

Ainda segundo a PM, a Patrulha Rural de São José da Barra localizou o acampamento e encontrou duas armas de fogo tipo polveira, que possivelmente pertencem ao suspeito. O homem é suspeito por um homicídio ocorrido em Belo Horizonte no dia 21 de julho de 2020 e estava foragido. Ele é acusado pela morte de um vizinho.


Piumhi

Em Piumhi, no último sábado, a Polícia Civil prendeu um homem, de 31 anos, suspeito de latrocínio (roubo seguido de morte). De acordo com informações da corporação, ele é suspeito de roubar e matar um homem de 57 anos. O crime ocorreu na última quarta-feira, 22, quando a vítima foi encontrada na rua com ferimentos na cabeça, sem a carteira e o celular. Ele foi socorrido, mas morreu no hospital, um dia depois. Ainda segundo a Polícia Civil, foram obtidas imagens e depoimentos de testemunhas que indicaram a participação do suspeito no latrocínio.