Destaques Saúde

Com 13 novos casos de covid, Vargem Bonita decreta fechamento do comércio

24 de novembro de 2020

Todos os estabelecimentos comerciais não essenciais tiveram de paralisar suas atividades na última sexta-feira. / Foto: Divulgação

VARGEM BONITA – O comércio não essencial de Vargem Bonita voltou a ser fechado ontem devido ao crescimento do número de casos de coronavírus. Conforme a nota técnica publicada na sexta-feira, 20, a medida será mantida até 4 de dezembro, podendo ser prorrogada de acordo com a necessidade.

O secretário municipal de Saúde, Antônio Batista da Silva, o Toninho, explica que a decisão ocorreu após reunião do Comitê de Enfrentamento à Covid-19. Assim, poderão funcionar supermercados, açougues, farmácias e outros setores considerados essenciais, que deverão trabalhar em conformidade com orientações específicas da nota. Além disso, a limpeza dos locais, com utilização de álcool 70% e/ou hipoclorito, deverá ser intensificada.

Todos os estabelecimentos comerciais não essenciais, como bares, restaurantes, academias, salões de beleza, barbearias e similares, tiveram de paralisar suas atividades na última sexta-feira. Pousadas, hotéis e casas de aluguel suspenderam a chegada de hóspedes na segunda-feira. Conforme a Secretaria do Estado de Saúde, desde o início da pandemia, Vargem Bonita registrou 19 casos de coronavírus. Por telefone, Toninho informou que, desse total, 13 foram confirmados de quarta-feira, 18, em diante.

No momento, nove pacientes seguem em acompanhamento. Apesar disso, a alteração da onda no programa Minas Consciente depende da análise da microrregião. Assim, o município seguirá na onda amarela. O comitê, além das restrições, reforça a importância do uso das máscaras de proteção caseiras. A nota técnica destaca que aglomerações fora dos limites geográficos não são de responsabilidade do município.

LEIA TAMBÉM: Funcionários de cooperativa de crédito são amarrados por bandidos