Destaques Saúde

Câmara de Passos suspende sessão após 3 vereadores testarem positivo

20 de fevereiro de 2021

Vereadores aprovam antecipação das sobras orçamentárias no valor de R$ 100 mil para a Santa Casa. / Foto: Helder Almeida

PASSOS – A primeira reunião da Comissão de Saúde da Câmara de Passos, que estava marcada para essa sexta-feira, 19, foi cancelada depois que três dos 11 vereadores testaram positivo para covid-19. Gilmara Silveira de Oliveira, Edmilson Amparado e João Serapião estão com a doença. A sessão da próxima segunda-feira, 21, e o atendimento presencial serão suspensos pelos próximos sete dias.


Você também pode gostar de: IBGE abre 477 vagas temporárias na região para Censo Demográfico 2021

De acordo com a assessoria do vereador Edmilson Amparado, o parlamentar teria passado mal, em casa, na última semana, com indisposição. Porém como o vereador é diabético, ele pensou que seria algo relacionado à doença. Na segunda-feira, 14, Amparado participou da sessão no Legislativo, contudo já estava com covid-19.

Na terça-feira, 15, ele passou por atendimento médico e foi diagnosticado com infecção pelo novo coronavírus na quarta. Segundo a assessoria, o parlamentar está internado no Hospital São José, porém não precisou de oxigênio e passa bem, podendo receber alta ainda neste final de semana.

Com indisposição, coriza e um pouco de dor no corpo, a vereadora Gilmara Oliveira afirma que os sintomas da covid-19 começaram nesta quinta-feira, 18. Segundo a parlamentar, ela teve dor no corpo, inclusive, nos dedos das mãos e dos pés.

Imediatamente, fiz o teste em uma rede particular. Moro com meus pais, que já são idosos, e optei pelo exame privado pela rapidez. Já não estou na casa com meus pais mais. A doença pode se agravar no oitavo dia, então estou aguardando e ficarei afastada até o dia 25 de fevereiro”, disse.

Ela afirma também que não dá para saber como foi infectada. “Temos feito várias reuniões, atendimento dentro e fora da Câmara, então fica complicado saber”, disse. A Folha tentou contato com o vereador João Serapião, que também teria contraído a doença, mas, até o fechamento desta edição, não obteve retorno.

Serapião faz parte da Comissão de Saúde Municipal, juntamente com os vereadores Dirceu Alves e Francisco Sena. A primeira reunião da Comissão, com participação da secretária de Saúde, Priscila Soares Corrêa Faria, seria ontem. Segundo o presidente da Câmara, Alex Bueno, o prédio do Legislativo passou por dedetização com hipoclorito, ontem, 19 e passará mais uma vez pelo processo na próxima quarta-feira ou quinta-feira.

Suspendemos o atendimento hoje e a sessão de segunda-feira, 22, não será realizada, bem como todo o atendimento presencial da semana. Tudo foi feito sob orientação de infectologistas do município. Além disso, vamos testar todos os funcionários da casa nos próximos dias”, disse. De acordo com o presidente, a Câmara deve optar por sessões realizadas de forma remota.