Destaques Saúde

Aplicativo auxilia acesso a serviços de saúde

26 de Maio de 2020

Foto: Divulgação

PASSOS – Para facilitar atividades do dia a dia e garantir mais segurança e saúde aos moradores de Passos, uma microempresa de tecnologia, especializada em rastreamento de veículos, decidiu investir na criação de um aplicativo, o Vida19. O foco é conectar moradores da cidade a comerciantes e prestadores de serviços, incluindo o segmento de saúde.

A ideia do aplicativo surgiu durante os trabalhos da Agenda Positiva Passos, um movimento da comunidade empresarial local que busca o bem-estar da população passense, por meio do reforço e divulgação de boas práticas e do fortalecimento da ética e da cultura de união, visando ao crescimento e à valorização do município.

De acordo com Evandro Bogo, consultor de negócios que conduz as atividades da Agenda Positiva Passos, quando a pandemia teve início, o grupo formado por empresários e representantes de diferentes instituições lançou a ideia de um aplicativo que proporcionasse a valorização dos pequenos negócios da cidade e que aproximasse produtores e investidores de seus clientes.

A equipe da Ranor Rastreamento abraçou a ideia e desenvolveu o aplicativo, que vai atender pessoas, como aquele produtor que vende pamonha, frango ou ovo, e demais pequenos negócios que não têm visibilidade virtual, nem muita afinidade com a tecnologia, e que agora não podem estar na rua, mas precisam oferecer seus produtos. Então, nós pensamos em uma coisa simples que pudesse aproximar aqueles que vendem daqueles que compram, já que não podemos mais ter um fluxo de pessoas, mas precisamos manter o fluxo econômico”, esclarece Bogo.

O aplicativo é composto por quatro módulos: Usuário, Comércio, Serviços e Saúde. “O módulo saúde, por exemplo, facilita a comunicação entre todas as unidades, como hospitais, UPAs e sistemas privados. Assim, a notificação é automática e vai direto para um banco de dados do setor de epidemiologia, sem a necessidade de transferências de documentos entre os setores”, explica Marcelo Ranor, administrador da Ranor Rastreamento, empresa responsável pela criação do aplicativo Vida19.

O administrador esclarece ainda que nos casos de pacientes que se dirigem a outras unidades de saúde, o aplicativo identifica em quais delas eles estiveram. Dessa forma, o agente notificador pode imprimir o prontuário anterior, facilitando e agilizando o atendimento.

O Sebrae Minas é uma das instituições que apoia a iniciativa do aplicativo, por aproximar as empresas do mercado consumidor e por valorizar os pequenos negócios locais. Pela plataforma é possível, por exemplo, aproximar o produtor rural de compradores, seja da esfera privada ou pública. Além disso, as informações precisas da saúde vão contribuir para o controle mais assertivo não apenas da covid-19, mas de outras epidemias. O processo é simples, eficiente e deve gerar resultado econômico e social.

Outra novidade do Vida19 é o Módulo Usuário.

Esse módulo possibilita efetuar a compra de todo tipo de item dentro da própria cidade. O usuário poderá também olhar no mapa a localização e os níveis de lotação da loja, conforme a classificação do estabelecimento”, esclareceu Ranor.

Cadastramento

Para ofertar serviços na plataforma é preciso criar uma conta de usuário que valerá apenas para um dos quatro módulos, com o preenchimento de informações específicas de acordo com o serviço prestado. Caso o empresário deseje oferecer serviços ou produtos em mais de um módulo, precisará realizar cadastros distintos. Depois de criar a conta, o cadastro será avaliado pelo administrador da plataforma.

No Módulo Saúde, por exemplo, o profissional precisa especificar em qual instituição trabalha. Já nas contas Comércio e Instituição, há os campos como nome da empresa, CNPJ e outros dados importantes para o cadastro da empresa e o tipo de segmento em que ela atua.