Destaques Polícia

Vereador Felipe Carielo se envolve em acidente

8 de junho de 2020

No acidente, o carro no qual o parlamentar estava colidiu de frente com um VW Virtus. / Foto: Helder Almeida

C. R. CLARO – O vereador Felipe Carielo (PSD), de Carmo do Rio Claro, se envolveu em um acidente de trânsito na manhã deste sábado, 6, na rodovia estadual MG-184 e o carro no qual viajava foi recolhido a um pátio credenciado do Detran por estar com documentação vencida.

De acordo com informações da Polícia Militar Rodoviária, o carro do parlamentar, um Siena, estaria com o Certificado de Registro de Licenciamento de Veículo (CRLV) e o Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) vencidos. Além disso, Carielo teria infringido o Código de Trânsito Brasileiro por não ter permanecido no local do acidente. A polícia também informou que procurou pelo vereador em hospitais da região e em residências ligadas a ele, mas não o encontrou.

No acidente, o carro no qual o parlamentar estava colidiu de frente com um VW Virtus. De acordo com o sargento Sidnei Sebastião Firmino, da Polícia Militar Rodoviária, no Virtus estavam duas pessoas, um homem e uma mulher, que tiveram ferimentos leves e que se encontravam na rodovia quando os militares chegaram ao local do acidente, por volta das 7h40.

Segundo o sargento, eles relataram que o acidente teria ocorrido por volta das 7h, durante uma ultrapassagem a um caminhão, feita por Carielo. De acordo também com o militar, o homem e a mulher relataram que, após a colisão, o vereador perguntou a eles se estavam bem e, posteriormente, teria saído do local em uma caminhonete. Segundo a polícia, o Virtus trafegava no sentido Carmo do Rio Claro para Conceição Aparecida e, Carielo, na direção contrária.

Ainda conforme o sargento, após o relato dos envolvidos no acidente, a Polícia Militar Rodoviária tentou encontrar o vereador em hospitais da região e em endereços de residências ligadas a ele, mas não conseguiu localizá-lo. Depois de consultar a situação sobre os documentos do carro no qual estava o vereador, por meio de sistema eletrônico, e constatar irregularidades na documentação, a corporação aplicou multas relativas ao CRLV e ao IPVA vencidos e também autuou o parlamentar porque ele teria infringido o artigo 305 do Código de Trânsito Brasileiro, que prevê penas de detenção, de seis meses a um ano, ou multa, em casos nos quais o condutor do veículo se afasta do local de acidente, para fugir à responsabilidade penal ou civil que eventualmente lhe possa ser atribuída.

O vereador afirma que, após a chegada da polícia e do socorre médico, foi para casa a fim de tranquilizar os familiares, e depois se deslocou a Passos para cumprir compromisso de trabalho. “O local do acidente tinha ponto de ultrapassagem seguro, porém, reconheço minha falha, pois havia neblina na pista. Nestas condições, avaliei mal a situação de ultrapassagem e, quando vi o farol do outro carro à minha frente, joguei o meu para o acostamento. Infelizmente, os veículos vieram a colidir. Meu carro, por um milagre, não caiu na represa e eu não estaria mais aqui.

Foi uma arvorezinha, plantada por Deus que meu segurou. Minha primeira reação foi verificar se todos estavam bem. Graças ao mesmo Deus, ninguém se machucou gravemente. Após a chegada da polícia e da primeira ambulância no local, pedi que priorizassem ocupantes do outro veículo e, preocupado com a minha família, fui para minha casa de carona com um amigo, que além de me levar em segurança, ainda ajudou a acalmar meus pais e meus irmãos, que se assustaram com a notícia.

Pouco depois, pelo fato de estar bem, fui até Passos cumprir um compromisso de trabalho que já estava agendado com o deputado Cássio Soares, pois pelo que havia entendido a ida ao hospital era uma decisão minha, sobre a minha saúde. No momento, estou na UPA de Passos pelo fato de ter tido uma leve pancada no supercílio direito, apresentar dores nas costelas e ser procedimento de praxe a realização de alguns exames nesta situação.

Agradeço pela vida da Aline e do sr. Olímpio, motorista do táxi que a levava, graças a Deus estão bem. Também agradeço a Deus pela minha vida. Nós três poderíamos não estar mais aqui, nascemos de novo.”, disse.