Destaques Polícia

Trio rouba família em chácara em Passos

22 de abril de 2021

Foto: Divulgação

PASSOS – Três homens, um deles armado com um revólver, assaltaram uma chácara em um condomínio rural localizado em Passos. Segundo informações da Polícia Militar, o crime ocorreu por volta das 5h desta segunda-feira e uma família foi amarrada durante o roubo. Ainda de acordo com a PM, uma das vítimas, de 37 anos, relatou que estava na chácara, com a família, quando foi surpreendida pelos assaltantes e que pelo menos um dos criminosos estava armado com um revólver.

Segundo o relato feito aos policiais, a família foi amarrada e os assaltantes permaneceram no local por cerca de uma hora. Os criminosos atrelaram uma carreta a um veículo Gol, de cor branca e placas CQO-4124, de Guariba (SP), e fugiram levando diversos eletrodomésticos, três aparelhos de telefone celular e dinheiro. De acordo com a PM, a tela que cerca a propriedade havia sido cortada.

Também em Passos, no bairro Vila Romana, um estabelecimento comercial foi assaltado na noite da última segunda-feira. De acordo com a PM, a vítima, de 68 anos, relatou que o criminoso entrou no estabelecimento, armado com uma pistola, e anunciou o assalto. Segundo o relato feito aos policiais, ele levou um telefone celular que estava sobre o balcão e um outro aparelho que estava no bolso da vítima, além de uma carteira com documentos pessoais e dinheiro.


Delfinópolis

Em Delfinópolis, um jovem de 20 anos foi preso e um adolescente, de 14, foi apreendido após um acidente de trânsito na rodovia BR-464, em Delfinópolis. Segundo a PM, eles estavam em um veículo Gol, de cor prata e placas BPW-6771, de São João Batista do Glória, que havia sido furtado, em companhia de outro jovem, de 20 anos, que conduzia o carro no momento do acidente.

Ainda de acordo com a PM, segundo testemunhas, o jovem que dirigia o carro foi socorrido, em estado grave, e encaminhado para a Santa Casa de Passos e os outros dois jovens tiveram ferimentos leves e foram encaminhados ao hospital em Delfinópolis.

Após fazer contato com o proprietário do Gol, segundo a PM, ele informou que as chaves e os documentos do carro estavam com ele e que não havia autorizado ninguém a utilizar o veículo, que estava estacionado em frente da sua residência quando foi furtado pelo trio.

Segundo a PM, devido ao estado de saúde grave, o condutor não foi preso em flagrante e os outros jovens, após receberem atendimento e serem liberados pelo médico de plantão do Hospital de Delfinópolis, foram conduzidos à delegacia.