Destaques Polícia

Suspeito de matar idoso de 75 anos é preso em Pouso Alegre

4 de fevereiro de 2021

O Idoso recebeu golpes de bengala e teve cama incendiada. / Foto: Divulgação

C. CACHOEIRA – A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) prendeu um suspeito de cometer latrocínio contra um idoso de 75 anos. O crime ocorreu no dia 2 de janeiro, em Carmo da Cachoeira, Sul de Minas, e o investigado foi preso em Pouso Alegre, cidade a cerca de 130 quilômetros de distância de onde aconteceu o latrocínio.


Você também pode gostar de:

Segundo informações da polícia, o suspeito estava foragido de Carmo do Cachoeira desde o dia do crime. No momento da prisão, o homem estava em um albergue em Pouso Alegre, local onde era servida comida para pessoas carentes e em situação de rua. Durante a abordagem policial, o investigado tentou se passar pelo irmão, apresentando a carteira de identificação ele. O homem foi encaminhado à delegacia, onde concordou em realizar coleta de amostra de material genético para ser usada nas investigações. Posteriormente, foi levado ao sistema prisional.


O crime

No dia 2 de janeiro, o suspeito teria pulado o muro e invadido a casa do idoso. Na ocasião, a vítima, que morava sozinha, estava dormindo no quarto. O suspeito exigiu que o senhor entregasse tudo o que tinha em dinheiro, e a vítima recusou.

Com isso, o investigado usou a bengala do idoso, que estava ao lado da cama, e o golpeou diversas vezes na cabeça, momento em que a vítima ficou inconsciente. De acordo com a polícia, o suspeito teria ateado fogo na cama da vítima e fugido do local. Foram levados R$ 10 em dinheiro. A vítima foi socorrida por vizinhos e levada ao hospital, mas faleceu dois dias após o roubo.