Destaques Polícia

Suspeito de envolvimento em ‘Tribunal do Crime’ é preso

12 de junho de 2021

onça pintada é encontrada morta as margens da rodovia :/ Reprodução

ALFENAS – A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) prendeu um homem, de 22 anos, em Alfenas, suspeito de participar de uma espécie de ‘Tribunal do Crime’. Segundo apurado, o investigado e outros quatro comparsas teriam sequestrado a vítima, de 24, e a levado para uma residência, onde ela foi agredida após ser acusada de ter roubado a loja do pai de um dos suspeitos.

O crime ocorreu no dia 9 de fevereiro deste ano. Na ocasião, uma equipe da Polícia Militar abordou o veículo no qual estavam dois suspeitos e os policiais perceberam sinais de sangue no carro. Em continuidade, localizaram a vítima. Os dois homens foram encaminhados à Delegacia de Polícia Civil e presos em flagrante, oportunidade em que o delegado representou à Justiça pela conversão em prisão preventiva.

No decorrer da investigação, os outros três envolvidos foram identificados e a PCMG também fez o pedido pelo mandado de prisão preventiva contra eles. O cumprimento da medida judicial do homem de 22 anos, que estava sendo procurado, ocorreu na última quarta-feira, 9, sendo ele encaminhado ao sistema prisional.

O inquérito policial já foi concluído e todos os cinco investigados foram presos e indiciados pelos crimes de lesão corporal de natureza grave (art. 129, §1º, inciso I) combinado com sequestro e cárcere privado (art. 148) e ameaça (art. 147), previstos no Código Penal.

Onça

Também em Alfenas, uma Onça-pintada foi encontrada morta às margens de uma rodovia que dá acesso à cidade. Um motociclista passava pelo local, fez imagens do animal morto, a suspeita que a causa da morte pode ter sido
atropelamento.

Já foi registrado no Sul de Minas outros casos de aparecimento de onças, o que chama a atenção de pessoas pela
beleza do animal.