Polícia

Polícia Civil prende suspeitos por tráfico

9 de Maio de 2020

Em busca em residências dos suspeitos, a PM localizou dois pés de maconha, um pote com uma porção da mesma droga, sementes e dois dichavadores.

NOVA RESENDE – A Polícia Civil prendeu, em Nova Resende, um homem de 25 anos por suspeita de envolvimento no tráfico de drogas. Segundo a polícia, a ação ocorreu na última terça-feira por meio de um mandado de prisão preventiva. O homem foi preso no bairro Novo Milênio, onde reside o investigado.

A polícia também apreendeu o veículo do suspeito, um telefone celular e R$800 em dinheiro. Analisando o aparelho celular do homem, os policiais localizaram mensagens que serão utilizadas para reforçar o conteúdo probatório, além da identificação de outros envolvidos com práticas criminosas.

O delegado responsável pelo caso, Manoel Francisco Martins de Oliveira Nora, esclarece que “as investigações iniciaram após o suspeito ser abordado pela Polícia Civil em um conhecido ponto de tráfico de drogas na cidade”.

Alpinópolis

A Polícia Militar prendeu quatro pessoas por posse de drogas em um loteamento em Alpinópolis, nesta quinta-feira, 7. Segundo a PM, com base em denúncia anônima, os militares foram até o Loteamento Alto da Serra, na rua Antônio de Oliveira Lemos e avistou os jovens, com idades entre 18 e 21 anos.

Durante busca pessoal, um deles, segundo a PM, tentou dispensar algo no chão. Em busca no local, os policiais encontraram uma porção de maconha. Em busca em residências dos suspeitos, a PM localizou dois pés de maconha, um pote com uma porção da mesma droga, sementes e dois dichavadores.

Guaxupé

Duas mulheres, de 27 e 32 anos, foram presas em flagrante pela Polícia Civil, em Guaxupé, por suspeitas de envolvimento no tráfico de drogas. Elas foram surpreendidas no bairro Colmeia, na tarde de quinta-feira, 7. Com a dupla, a equipe encontrou documentos de usuários, possivelmente deixados como garantia para posterior pagamento de entorpecentes
consumidos.

Os policiais civis apreenderam, ainda, quatro aparelhos celulares das investigadas, porções de maconha e crack, R$1,5 mil em dinheiro e duas balanças de precisão. “O trabalho de investigação tem continuidade e converge em uma série de ações da Polícia Civil, que atua de forma incansável na repressão ao crime de tráfico de drogas”, afirmou o delegado Gabriel Belchior João.

Essa é a segunda prisão recente de mulheres investigadas por envolvimento no comércio ilícito de entorpecentes na cidade. No início da semana, uma suspeita, de 51 anos, também foi detida em flagrante, após dois meses de monitoramento da Polícia Civil. Ela estava em posse de uma porção considerável de crack, além de R$1,7 mil. As suspeitas foram encaminhadas ao Sistema Prisional e estão à disposição da Justiça.