Destaques Polícia

PM prende quadrilha após roubo de tratores e caminhão

20 de fevereiro de 2021

Durante rastreamento, os militares depararam com o caminhão em trânsito, estando em sua carroceria um trator e acompanhado de perto por outros três tratores. / Foto: Divulgação

ITAMOGI – A Polícia Militar prendeu sete pessoas por envolvimento em um roubo a uma propriedade rural em Itamogi. Segundo a PM, na madrugada desta sexta, 18, a corporação foi acionada pela vítima, segurança da fazenda Catingueiro, após um roubo no imóvel. Foi desencadeada uma operação cerco e bloqueio que culminou com a prisão dos sete suspeitos e recuperação dos itens roubados.

No assalto, os proprietários foram rendidos por um grupo armado e encapuzado e trancados em um dos quartos da casa. O segurança foi rendido, agredido e teve roubada uma motocicleta Honda XRE 300 e o colete reflexivo que ele utilizava. Na sequência ele foi levado pelos autores em um veículo VW/Gol até o trevo da LMG-857 com a rodovia 491, onde foi liberado. Da residência, foram roubados um Notebook, sete aparelhos celulares, quatro tratores, um caminhão, um veículo VW GOL G4, três aparelhos televisores, uma arma de fogo, tipo espingarda, calibre .32, documentos e cartões bancários das vítimas.

Durante rastreamento, os militares depararam com o caminhão em trânsito, estando em sua carroceria um trator e acompanhado de perto por outros três tratores. Ao ser dada ordem de parada, o condutor do caminhão atentou contra a vida dos militares, jogando o caminhão contra a viatura policial, abandonou a direção do veículo e fugiu por um matagal. Outro suspeito, que conduzia um dos tratores, efetuou a mesma manobra e evadiu pelo matagal.

Em diligências pela rodovia BR-491, os militares deparam com outro suspeito que conduzia um veículo. O condutor efetuou disparos de arma de fogo contra a guarnição e atravessou o veículo na pista para obstruir a passagem das viaturas. Outros dois suspeitos que davam cobertura na evasão utilizando a moto roubada empreenderam fuga, sendo um deles capturado posteriormente.

Durante as buscas pelas estradas vicinais, outro suspeito, que estava em um veículo, desrespeitou a ordem de parada, jogou o veículo contra os militares, os quais foram atropelados. Um dos militares ficou preso ao capô do veículo sendo arrastado por alguns metros. Para quebrar a resistência dos autores foram efetuados disparos de arma de fogo. Dos dez suspeitos, um veio a óbito, um menor foi apreendido e socorrido pela ambulância do Samu e seis continuam sendo procurados.