Destaques Polícia

Grades de bueiros são furtadas em Passos

Por Adriana Dias / Redação

26 de Maio de 2021

Somente no mês de abril já foram furtadas 15 grades de bueiros em passos. / Foto: Divulgação

PASSOS – Pelo menos 25 tampas de bueiro foram furtadas em Passos nos meses de abril e maio, colocando em risco a vida de motoristas e pedestres e podendo causar obstrução em tubulações, além de do prejuízo financeiro para os cofres públicos. Das peças roubadas, 14 foram recuperadas pela Polícia Militar na última sexta-feira, 21.

Conforme o boletim de ocorrências da 77ª Companhia, foi relatado por um servidor municipal que ocorreram os furtos de grades de bueiros nas vias públicas da cidade, sendo identificadas a falta, no dia 11 de maio, na rua Cambuquira, de três peças. Também no dia 11, na Alameda dos Pinheiros, uma grade foi furtada. No dia 19, os furtos aconteceram nas ruas Itabira, Coimbras e Utajaí. Já no dia 20, uma grade foi levada da Avenida Júpiter e outras duas da rua Senzala.

No mês de abril foram furtadas 15 grades de bueiros, sendo três no bairro Muarama, quatro na rua Olinda, oito nos bairros Jardim Califórnia, Cohab IV e V e Jardim Primavera II. Conforme o servidor que relatou os furtos à PM, as grades estavam sendo anunciadas para venda no Facebook, o que facilitou que dois receptadores fossem localizados. Os responsáveis pelos furtos não foram identificados até o fechamento desta edição.

De acordo com a secretária Municipal de Obras, Habitação e Serviços Urbanos, Clélia Rosa, o número de furtos ainda não é exato, pois a secretaria está averiguando denúncias em vários locais.

A PM identificou o local e nossa equipe acompanhou a apreensão, queremos salientar que este é um crime inafiançável”, disse.

Questionada sobre o número de bueiros existentes em Passos, Clelia informou que a secretaria não tem esta informação.

Não temos ‘as built’ (termo em inglês utilizado em engenharia e arquitetura referente à obra executada) de drenagem no município. Precisamos da ajuda da população, que ao ver alguém mexendo nestas grades nos informe. Nós lamentamos os fatos”, disse Clelia.