Destaques Polícia

Dupla assalta casa no Recanto Del Rei e agride vítima de 65 anos

13 de abril de 2021

Os dois suspeitos foram presos e a PM apreendeu um veículo Toyota Corolla. / Foto: Divulgação

PASSOS – Dois homens armados assaltaram uma residência no bairro Recanto Del Rei, em Passos, e agrediram uma vítima de 65 anos com socos e pontapés. Segundo informações da Polícia Militar, a vítima relatou que estava na casa e ouviu alguém bater na porta. Ao verificar, ela foi surpreendida por dois criminosos, um deles com uma arma de fogo.

Ainda de acordo com a PM, a vítima relatou ter percebido que a arma não era verdadeira e entrou em luta contra os assaltantes, sendo agredida com socos e pontapés. Segundo a polícia, a dupla levou dinheiro e uma bolsa com diamantes e seis anéis, fugindo em direção à rua São Gabriel.

Em diligência no local, os policiais encontraram dois suspeitos, um deles com uma réplica de revólver e outro com R$1,6 mil em dinheiro. Segundo a polícia, a corporação fez buscas nas casas dos suspeitos para tentar localizar os diamantes roubados, mas não encontrou. Os dois suspeitos foram presos e a PM apreendeu um veículo Toyota Corolla.

Na zona rural de Passos, na madrugada do último domingo, uma pessoa teve a porta da casa arrombada e foi assaltada. De acordo com a PM, a vítima, de 32 anos, relatou que foi surpreendida, quando estava dormindo, pelo barulho da porta da sala da residência sendo arrombada.

Os criminosos renderam a vítima, a trancaram no banheiro e reviraram a casa. Ainda segundo a PM, a dupla levou objetos pessoais, animais da fazenda e um veículo Fiat Uno, de cor azul e placas DEB-3012, de Passos. O carro foi recuperado pela PM na manhã de domingo, abandonado no bairro Serra das Brisas.


Moeda falsa

Também em Passos, na manhã do último sábado, a PM apreendeu uma nota falsa, no valor de R$50. De acordo com a PM, a vítima, de 25 anos, relatou ter recebido a cédula como pagamento a duas cartelas de sorteio e que deu troco no valor de R$30 reais. Após a transação, segundo a PM, a vítima desconfiou e foi até um estabelecimento comercial, onde teria confirmado que o dinheiro era falso.