Opinião

Você sabe o que é democracia?

POR ESDRAS AZARIAS DE CAMPOS

18 de setembro de 2021

Saber o que é democracia na teoria é uma coisa, conhecê-la na prática é outra completamente diferente. A democracia apesar de ter mais de dois milênios de existência começou lá no século V na Grécia clássica, mas somente no século XVIII da nossa era tomou forma tal qual o termo e seus conceitos são conhecidos hoje. Definições sobre democracia são muitas e a mais popular delas é a do presidente norte-americano Abraham Lincoln: “A democracia é o governo do povo, pelo povo, para o povo”.

Ou então, a do estadista britânico Winston Churchill (1874-1965): “De fato, diz-se que a democracia é a pior forma de governo exceto todas as outras formas que foram testadas de tempos em tempos.”. Em 2007 ficou definida a data de 15 de setembro como Dia Internacional da Democracia, instituída pela Organização das Nações Unidas (ONU), com o objetivo principal de realçar a necessidade de promover a democratização, o desenvolvimento e o respeito pelos direitos humanos e as liberdades fundamentais.
No entanto, mais que nunca é preciso colocar todos os dias a questão da democracia e sua evolução através dos tempos. Até porque a manutenção da democracia depende da eterna vigilância da sociedade. Principalmente, aqui pelos nossos lados da América Latina tão sujeita a golpes e ditaduras. Foi na Grécia antiga em 510 a.C., onde surgiu o primeiro conceito de democracia cuja etimologia de origem grega “demokracia” (demo = povo e kracia = governo) – e quer dizer governo do povo, mais especificamente. Mas a democracia grega apesar da definição incluir a palavra povo, de fato não era estendida a todas as classes sociais, pois havia até escravos naquela época.

Isto porque o que se entendia por povo na Magna Grécia era apenas a classe nobre chamada de cidadãos. Então era uma democracia limitada à aristocracia. Desde então, ou seja, um salto aí de pelo menos dois milênios, a prática da democracia sempre se limitou às camadas ricas da sociedade e somente no século XVIII com a Revolução Francesa de 1789, baseadas nos princípios dos filósofos enciclopedistas e iluministas, que os conceitos de democracia passaram de fato a incluir todo o povo. E mais, a democracia moderna inclui além de como organizar um Estado moderno com divisão em três poderes, também uma organização social que estabeleça o que diz no lema da Revolução Francesa, “Igualdade, Fraternidade e Liberdade”.

Mas, sabemos que por mais que os conceitos de democracia tenham evoluído, poucos países do mundo a praticam em toda a sua essência e conteúdo. Infelizmente, poucas nações do mundo levam a sério a democracia e seus princípios básicos. Até porque, por mais avançados que sejam esses princípios, um sistema democrático de governo apresenta alguns pontos cegos ou falhos. Por exemplo, nas questões dos processos eleitorais em que se usa o voto universal para composição dos governantes e representantes do povo há interferência do poder econômico da classe social rica e poderosa.

Situação esta que não raro leva o povo a ilusão de que está fazendo uma escolha livre de seus representantes, quando na verdade, está escolhendo representantes dos poderes executivo e legislativo que vão governar e legislar em maior benefício para os donos do poder. É o que assistimos há mais de um século aqui mesmo no Brasil! Você que sabe o que é democracia e ama democracia, então lute por ela, pois que corre grande perigo neste momento político, em que um presidente eleito democraticamente quer substituí-la por uma ditadura!