Música Destaques

Passos será 1ª cidade do interior a ter Orquestra Jovem do TJMG

6 de outubro de 2021

Passos foi a primeira cidade escolhida para a expansão da orquestra jovem do tjmg no interior do estado./ Foto: Divulgação.

PASSOS – Passos será a primeira cidade do interior a receber o projeto Orquestra Jovem do Tribunal de Justiça de Minas Gerais, que nasceu há 10 anos em Belo Horizonte. Segundo informações do TJMG, Passos foi escolhida para a interiorização do programa.

A superintendente da Coordenadoria da Infância e da Juventude (Coinj) do tribunal, desembargadora Valéria Rodrigues Queiroz, esteve na cidade na última segunda-feira, 4, e se reunião com autoridades do município para apresentar o projeto de interiorização da Orquestra Jovem do TJMG. Segundo o tribunal, a ideia foi abraçada por todos e, até o próximo mês, os adolescentes infratores da região poderão se valer da música para dar outro sentido às suas vidas.

De acordo com a desembargadora Valéria Queiroz, a ideia de expandir o projeto surgiu com o aniversário de 10 anos da orquestra, comemorado em 2021. “A orquestra do TJMG já transformou a vida de vários adolescentes, um deles, inclusive, está fazendo faculdade em Illinois, nos Estados Unidos, além de outros que, atualmente, estudam Direito e Engenharia na UFMG”, lembrou a desembargadora.

Parceria

A transformação de vários jovens e a experiência adquirida pela Coinj nos últimos 10 anos motivaram a desembargadora a levar o projeto para o interior. Segundo ela, a cidade de Passos foi escolhida porque apresentou estrutura para a expansão e, principalmente, deu total apoio ao projeto.

Por meio da solicitação 6607085/2021, no último dia 16, a desembargadora pediu autorização ao presidente do TJMG, desembargador Gilson Soares Leme, para estender o projeto ao interior. O chefe do Judiciário mineiro mostrou-se favorável à iniciativa.

Após reunião entre as autoridades de Passos, ficou acordado que o Tribunal de Justiça terá a função de ceder os instrumentos à orquestra, enquanto militares do 12º Batalhão de Política Militar, que já tem uma banda de música, serão os professores dos adolescentes.

Segundo informações do TJMG, o prefeito de Passos, Diego de Oliveira, cedeu o prédio histórico onde funcionava o antigo fórum da comarca para ser a sede da nova Orquestra Jovem do TJMG. Os alunos serão selecionados pelo juiz da 2ª Vara Criminal e da Infância e da Juventude da Comarca de Passos, Mateus Queiroz de Oliveira.

“Já vivemos uma experiência muito positiva e exitosa nesses 10 anos da Orquestra Jovem do TJMG, que mudou a vida de muitos adolescentes, e tenho certeza de que vamos continuar mudando, para melhor, a vida dos adolescentes em Passos por meio da música”, afirmou a desembargadora Valéria Rodrigues Queiroz.

Cantata

O prefeito de Passos, Diego de Oliveira, destacou que, por ser histórico e localizado na região central da cidade, o prédio cedido pela prefeitura poderá, inclusive, abrigar a Cantata de Natal — evento anual promovido no final do ano pelo Tribunal de Justiça de Minas Gerais que tem como protagonistas os adolescentes da Orquestra Jovem.

Além da reunião com as autoridades, a desembargadora visitou, em Passos, o prédio cedido pelo Poder Municipal e o Centro Socioeducativo da comarca. Além do prefeito e do juiz, participaram da reunião com a desembargadora Valéria Rodrigues Queiroz o comandante do 12º Batalhão da PM em Passos, tenente-coronel Luiz Otávio Vieira; a diretora-geral do Centro Socioeducativo, Débora Nunes Batista; e o secretário municipal de Cultura e Patrimônio Histórico de Passos, Pedro Silva.

Acompanharam a desembargadora Valéria Rodrigues Queiroz, na viagem a Passos, os integrantes da Coordenadoria da Infância e da Juventude do TJMG Elaine Queiroz, Zarife Chalub e Misael Marques.