Moda

Gerais Fashion

POR WAGNER PENNA / Especial

24 de agosto de 2021

O presidente da ACNModa, Paulo Lopes, com diretoras da associação./ Foto: Reprodução.

Com o objetivo de estimular as vendas no circuito fashion de Beagá e de Minas, a ACNModa realizou um desfile virtual, com cerca de 30 marcas, mostrando o verão 2022. O sucesso do evento foi avaliado pelo presidente da entidade, Paulo Lopes, que informa terem sido realizados mais de 50 mil compartilhamentos do assunto no site e no Instagram, além de participação de quase 300 lojistas direcionados durante a live com o desfile.

Ele lembra, também, que essa formatação virtual é um resgate da Feira Gerais Fashion, que já foi realizada anteriormente de forma presencial no inicio dos anos 2000. Em sua nova versão online, o evento espera adaptar-se ao crescimento do e-commerce e às novas formas de interação comercial entre quem produz e quem vende moda. A própria ACNModa criou, há dois anos, uma plataforma digital (em parceria com a ComLook) para facilitar e agilizar a dinâmica de vendas dos associados.

Consultores

Aproveitando esse momento de retomada de negócios no atacado da moda mineira, o presidente da ACNModa lembra que a associação foi iniciada, por volta de 1992, com menos de 20 integrantes – cujo objetivo era auxiliar nas compras os varejistas de moda e padronizar o serviço de atendimento a eles na Capital. O sucesso foi tanto que acabou virando modelo para outras regiões do pais.
No início, os  os consultores de negócios eram chamados de freelancers, depois corretores de moda, mas, atualmente, esses consultores fazem um trabalho muito além disso. Eles são os grandes recepcionistas da moda, observa Paulo Lopes. No desfile virtual foram mostradas os estilos casual, beachwear e festa.

História

O clima positivo na moda mineira foi iniciado com a feira BH-à-Porter, no mês passado num evento que venceu os tempos de temor e pessimismo por causa da covid-19.
Foi a partir da adesão e do sucesso que a Associação dos Consultores em Negócios de Moda (ACNModa) programou o evento de vendas. O projeto inicial seria um desfile presencial com cerca de 30 marcas, mas com opção virtual através da sua transmissão pelas redes sociais para compradores de todo o país. Segundo o presidente da entidade, Paulo Lopes, a iniciativa tinha por finalidade estimular as vendas das coleções do verão 2022 e também integrar os consultores na dinâmica do comércio virtual entre as compradores-lojistas.