Projeto social vende produtos artesanais para não fechar as portas

13 de dezembro de 2019

ALPINÓPOLIS – O projeto “Na Contra Mão do Mundo”, de Alpinópolis, está vendendo produtos artesanais, feitos com materiais reciclados e paletes, com o objetivo de manter as portas do projeto abertas. O grupo tem interesse de gerar emprego e renda, a ressocialização de pessoas em situação de vulnerabilidade ou em risco por meio desta Organização Social que foi idealizada pela alpinopolense Maria Cecília Vilela Santos, para resgatar vidas e dar oportunidades a estas pessoas. A média de atendimento do Projeto é de 15 a 20 pessoas por mês.Conforme Maria Cecília, os participantes do projeto criam desde objetos de marcenaria, até materiais recicláveis que transforma o lixo em luxo. “Hoje temos dívidas, e precisamos vender nossos produtos, para quitar e comprar novos materiais e assim continuar o projeto. Fazemos um apelo à toda população, e quem quiser conhecer o ‘Na Contra Mão do Mundo’, teremos a honra de recebê-lo”, convida Cecília.