Leitor: Como o ‘Poder’ é exercido no Brasil?

23 de novembro de 2019

De antemão, é fundamental que se entenda o conceito de “Poder”, quais os elementos que o compõe e como ele é exercido. O conceito de “Poder” está diretamente ligado ao termo capacidade, que, em suma, pode ser conceituado como “ser capaz de”.

Vale esclarecer que ninguém detém o “Poder”, mas, o exerce, e para isso quatro elementos são necessários: o sujeito (quem exerce o poder), o objeto (onde o poder é exercido), meio (os recursos utilizado para exercer o poder sobre o objeto) e o fim (objetivo pelo qual o sujeito exerce o poder sobre o objeto). 

Em razão disso, Weber e Bobbio (1984) formularam tipologias de “Poder”, sendo eles o poder econômico, ideológico e político. Este, por sua vez, é exercido, através do uso ou da ameaça de uso de força física, onde fica demonstrando sua capacidade em prol dos interesses dos governados e, inclusive, dos governantes. 

A princípio, isto parece complexo e chocante, mas , o Estado é o único que possui a legitimidade para exercer o poder político.

Para Aristóteles, a finalidade do exercício do poder político, em tese, seria em prol dos interesses dos governados e governantes. Todavia, vemos comportamentos arbitrários por parte de governantes, onde o poder político é exercido em interesse próprio. 

Diante disso, alguns governantes em certos lugares deste Brasil, exercem o do “Poder Despótico” onde o que prevalece é o proveito dos “senhores” em detrimento de alguns direitos dos cidadãos. É preciso extirpar condutas deste tipo na Administração Pública, a fim de combater atos ímprobos por parte dos agentes políticos.

Graças a bom Deus, esse cenário está mudando.

Weberson Luiz Mariano – Passos/MG

O amor conjugal

A sopa de pasta de feijão de soja tem o seu melhor sabor quando é servida numa tigela de barro. O sabor rústico desta sopa é algo de que não podemos esquecer, uma vez que tenhamos sentido o gosto. Do mesmo modo, as pessoas que tenham tomado o gosto do sabor rústico e íntimo do amor, nunca mudarão. Assim como vocês se cansam depressa da comida de preparação instantânea, a qual é simplesmente doce, se puderem obter amor facilmente em qualquer lugar, como se se tratasse dessa comida, não poderão chamar isto de amor verdadeiro. (Bênção e Família Ideal. 353) S.M.Moon

Quem vocês pensam que viu Adão e Eva dançarem nus no Jardim do Éden? Vocês podem fazer tais coisas quando ninguém está presente. Quando um casal dança nu, no quarto, isto é motivo de preocupação? Não apenas o fato de dançar nu, mas seja lá o que for que o casal faça entre si, alguém tem alguma coisa a ver com isso? Que importa que um esposo e uma esposa façam sozinhos essas coisas? (21-240, 24.11.1968) S.M.Moon

Aparecida Baldini – Passos/MG