Leilão do SinRural arrecada R$650 mil para HRC

28 de novembro de 2019

PASSOS – Mesmo ainda sem fazer o balanço geral do 11º leilão em prol do Hospital Regional do Câncer de Passos, realizado pelo Sindicato Rural de Passos (SinRural) no último domingo, 24, no Parque de Exposições Adolpho Coelho Lemos, a diretoria da entidade estima que o saldo da renda seja de R$650 mil e será revertido ao hospital.

De acordo com a diretoria da instituição, desde os preparativos, já anunciavam o sucesso desse evento que, ano a ano, conquista o público. Desde sua construção, o HRC tem a força e a participação relevantes e decisivas do produtor rural. E, sem dúvida, o sindicato tem a marca de sucesso em seu leilão anual, que mobiliza a comunidade de Passos e a regional.

“Em outras palavras, a região espera por esse momento”, resumiu o provedor da Santa Casa de Passos, o médico Vivaldo Soares Neto. Ele enfatizou ainda a importância desse tradicional leilão. “O produtor rural sempre nos apoiou e, quando pensamos que a ajuda atingiu o grau máximo de excelência, eles nos mostram que sempre é possível ir além. São parcerias como essas que fazem nossas metas serem diariamente alcançadas”, finalizou.

A atual diretoria, cujo presidente é o produtor rural Darlan Esper Kallas, mais uma vez se esmerou nos preparativos do 11º leilão, que contou com o empenho e a parceria de vários municípios vizinhos, entre eles, São Tomás de Aquino, São Sebastião do Paraíso, São João Batista do Glória, Itaú de Minas e Carmo do Rio Claro. “Esse é outro destaque desse leilão, um saldo de valor humano e social: um trabalho expressivo que aponta a força da coletividade, a solidariedade e o comprometimento do homem do campo com o HRC”, ponderou o superintendente da Santa Casa de Passos, Daniel Porto Soares.

Abertura

Depois do pronunciamento do provedor da instituição, do presidente do SinRural e do coordenador da Comissão de São João Batista do Glória, Belchior Custódio, o público recebeu mensagens que valorizaram, unanimemente, a gratidão de todos pelo trabalho dos que estiveram à frente do leilão. “Só uma palavra pode definir esse leilão: gratidão. Foi muito, muito bom mesmo. Temos que agradecer pela casa cheia, a adesão do produtor e da produtora rural, a quantidade de brindes, a parceria com o pessoal da cidade de São João Batista do Glória. Tudo isso foi destaque e contribuiu para o sucesso”, disse Darlan Kallas, ressaltando que o resultado foi melhor que o esperado, principalmente ao considerar o período de crise e tradicionais eventos de fim de ano já agendados.

Kallas citou também a atuação dos funcionários e motoristas, os quais foram indispensáveis para cada etapa do leilão realizado. De acordo com ele, os caminhoneiros presentes também merecem destaque sobretudo pela colaboração com o clima alegre e tranquilo vivenciado.

Em meio a sorrisos, abraços, bom papo e entusiasmo do público, a abertura do leilão criou um momento de emoção e saudade pelas homenagens póstumas prestadas. Inicialmente, ao leiloeiro voluntário do HRC, Cássio Paiva, que durante anos atuou nos leilões e eventos em benefício do hospital, deixando um legado de bons exemplos e amor ao próximo. Foram homenageados, também, os produtores rurais Noé Lemos e Paulo Calixto. “Foram pessoas que, ao longo dos anos, tanto fizeram pelo HRC e por nossa comunidade. Assim, nenhuma homenagem seria suficiente para expressar nossa gratidão eterna, porém, cabe a nós propagarmos esses nomes e agradecer aos familiares que continuam a parceria com o nosso hospital”, destacou Vivaldo Soares.