Funcionária reclama de situação de rua

Tá Danado!

10 de fevereiro de 2020

Na rua João Teixeira Mendes, em frente a uma loja de autoelétrica e suspensão, tem um buraco no meio da rua, sendo que em volta dele e ao longo da via há outros.

Jéssica Silva, funcionária da loja de autoelétrica, reportou sua reclamação dizendo que o buraco está cada vez maior e, a cada chuva, piora a situação. “Quando uma moto quer passar por aqui, tem uma dificuldade muito grande, devido ao tamanho do buraco, que cobre as rodas da motocicleta e até mesmo pode ocasionar acidentes”, comentou.

Outra preocupação da funcionária quanto a acidentes, é também sobre o tráfego livre. “Sempre que os carros passam por aqui, é provável ocorrer um acidente, porque tem buracos dos dois lados, além do grande que está na foto, tem em frente a ele, do lado e ao longo da rua. Esses dias mesmo eu estava passando para chegar do trabalho, tive que me desviar e achei que o carro ia bater em mim. Essa rua é muito perigosa, está um horror, tem que arrumar isso aqui logo”, reclamou Jéssica.

Além disso, a moradora local comentou que os clientes da loja sempre reclamam e, tanto eles quanto os funcionários passam por adversidades na área, para passar, parar ou estacionar. Jéssica pede que, por meio da Folha, seja feita uma intermediação para que haja uma solução definitiva por parte da administração municipal.

 

Por meio do Finisa,serão resolvidos todos os problemas

 

A Prefeitura Municipal de Passos respondeu que, posteriormente à liberação dos trâmites legais, a administração iniciou, no dia 28, os serviços de tapa-buraco no município. Visando recapear todas as vias da cidade, foram iniciadas as atividades nas avenidas JK, Breno Soares Maia, Comendador Francisco Avelino Maia, popularmente conhecida como Avenida Moda, além do trecho da Arlindo Figueiredo e as ruas dos Boiadeiros, Aurora e da Imprensa, visto o grande fluxo de veículos e a movimentação de pessoas nas vias. Depois, serão beneficiadas as avenidas Arouca, Sabiá e José Caetano de Andrade.

A administração municipal frisa que, com a liberação dos R$17 milhões referentes ao Projeto Financiamento à Infraestrutura e ao Saneamento (Finisa), que está prestes a se concretizar, serão resolvidos todos os recorrentes problemas enfrentados pela cidade, obedecendo ao cronograma estipulado pela Secretaria de Obras, Habitações e Serviços Urbanos, atendendo a todos os bairros do município e asfaltando ruas que há décadas carecem desse benefício.