Extinções e fusões de municípios podem gerar perda de R$7 bilhões

4 de dezembro de 2019

BRASÍLIA – Estudo da Confederação Nacional de Municípios (CNM) mostra que a extinção e fusão de municípios prevista na Proposta de Emenda à Constituição (PEC) do pacto federativo pode produzir uma perda de arrecadação de R$7 bilhões anuais para os 1.820 envolvidos (tanto os que podem ser extintos quanto os que vão agregá-los). A despesa somada dos municípios que podem ser extintos com a máquina administrativa do Executivo e do Legislativo é de R$3,94 bilhões, 5% do total de todos os municípios.