Estudantes promovem projeto literário

13 de dezembro de 2019

Os alunos do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental da Cooperativa de Ensino de Alpinópolis (Iepuc) desenvolveram, ao longo do 2º semestre deste ano, um projeto literário nas aulas de Língua Portuguesa e Oficina de Leitura e Escrita, que teve como objetivo propiciar ações de leitura, prazer e estudo, envolvendo os diversos gêneros textuais. Os alunos escreveram, leram, reescreveram e assim foram tecendo seus textos. Durante o processo, perceberam que podem escrever por prazer e não pressionados pela obrigatoriedade.

A culminância desse projeto se deu com a publicação de livros que foram apresentados à comunidade escolar em um evento, ocorrido na última semana, denominado “Café com Letras”, que chegou a sua segunda edição em 2019. Os trabalhos foram coordenados pelas professoras Leila Moreira, Tatiane Modesto, Vaninha Vilela, Géssica Fernanda e Cynthia Araújo.

Os pais e convidados puderam apreciar, ainda, algumas apresentações culturais envolvendo música e a encenação de um episódio do livro “A Reforma da Natureza”, de Monteiro Lobato, que contou com participação especial dos alunos do 6º ano da escola.

Segundo a professora Regina Célia Damasceno, uma das organizadoras do evento, o objetivo educacional proposto pelo projeto foi satisfatoriamente alcançado. “Nesse sentido, temos certeza de que os alunos puderam ter o seu papel de autores e se sentiram mais autônomos para exercerem o seu papel de escritores”, ressaltou.

Na mesma data o Iepuc, por ser uma escola bilíngue, realizou um evento com seus alunos comemorando o ‘Thanksgiving Day’ (Dia de Ação de Graças), festividade de origem norte-americana, cuja finalidade é celebrar os bons acontecimentos ocorridos durante o ano e, dessa forma, agradecer a Deus com orações, fartura na mesa e festejos.

 Os alunos da Educação Infantil e de 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental, conduzidos pela ‘teacher’ Rose Higa, professora de Inglês das turmas, fizeram uma representação da história do ‘Thanksgiving Day’ que encantou a plateia.

Neste dia, os próprios estudantes levaram para a escola diversas frutas que, posteriormente, foram doadas para os internos do Lar São Vicente de Paulo. Também foram arrecadados pacotes de bolachas que serão ofertados a crianças carentes da cidade.

 

O objetivo da ação solidária, segundo os organizadores, é avivar nas crianças o sentimento de gratidão a Deus pelas bênçãos recebidas e, para isso, nada melhor do que partilhar com os mais necessitados.