Dia a Dia: Um pai e seus conselhos ao filho – Parte 3

18 de novembro de 2019

Dando continuidade ao nosso texto.

O MELHOR NEGÓCIO – O TRABALHO

Numa época de muito desemprego e, como dizem sempre, crise econômica, falar de trabalho pode parecer “chover no molhado”, mas, temos de admitir que o trabalho faz parte importante da vida. Pelos ensinamentos bíblicos, o homem foi condenado a ganhar o pão de cada dia com o suor do seu rosto. Independente de quem acredita ou não, o que importa é que tal fato é verdade.

 

Estamos condenados a trabalhar para viver, para ter uma vida satisfatória, honesta e produtiva. Sem o trabalho, só conseguiremos viver decentemente à custa de outros que nos sustentem e atendam nossas necessidades. O trabalho dignifica o homem, enobrece a vida humana, dá motivos para viver.

 

Falando em desemprego, é preciso entender que parte dos desempregados não consegue colocação por falta de aptidões, são pessoas que não têm conhecimentos mínimos para os empregos que desejam, pois não se prepararam corretamente. Para outra parte, podemos atribuir à evolução da tecnologia, quando o homem está sendo substituído por máquinas modernas, pelo avanço da informática e até por robôs.

 

É só observar no nosso próprio meio as grandes empresas, com poder de acompanhar os avanços tecnológicos. Portanto, nem toda culpa cabe aos governos ou à situação econômica. O trabalho honesto, seja qual for, faz parte da vida.

O MELHOR DIVERTIMENTO – O ESTUDO

Realmente, deveria mesmo o estudo ser um divertimento sadio, importante e que dignificasse a vida, principalmente dos jovens que estão iniciando ou se preparando para uma atividade, para uma profissão. Aí, os pedagogos com prática escolar, não aqueles de gabinete apenas, juntamente com os psicólogos, poderão explicar porque muitos jovens não conseguem estudar ou até mesmo têm aversão pela escola, pelos estudos. Estamos falando de estudo, portanto, há uma estreita relação com a escola e sabemos que o estudo é direito de todos.

Já vimos uma pessoa sozinha, com livros e procurando informações, aprender bastante e sem ter frequentado uma escola. Eu já conheci pessoas praticamente muito bem letradas, com pouca escolaridade, única e exclusivamente porque adquiriram paixão pela leitura e nunca se acanharam de perguntar sobre suas dúvidas para outras mais preparadas.

Mas, será que todo mundo nasceu para estudar, para frequentar uma escola? O que falta para que o jovem se sinta atraído pelos estudos? Teremos intermináveis explicações, tais como, situação de pobreza familiar, famílias moralmente desestruturadas, pais alcóolatras, pais incompetentes para educar, governos incompetentes que relegam a escolaridade a terceiro ou quarto planos. Enfim, uma série de questionamentos. Que fique o assunto para os entendidos!

Se uma pessoa não consegue ter uma boa escolaridade ao menos até o final de um curso médio, que aprenda uma profissão. Toda profissão exige um bom aprendizado, um bom treinamento, não se aprende nada do dia para a noite. É preciso que o ato de aprender seja um hábito saudável e importante para a vida.

Minha esposa estudou em colégio de freiras e uma delas dizia ser muito difícil ensinar para quem não quer aprender. Concordo!

A MELHOR REGRA PARA VENCER – A DISCIPLINA

Falar em disciplina nos dias de hoje, quando a maioria das pessoas tem os dias bastante atarefados, corridos, às vezes temos dias que dizemos ser uma verdadeira loucura, não é fácil manter a disciplina. A disciplina, geralmente, é resultado de um planejamento de trabalho ou de vida. Mas, mesmo não sendo fácil manter disciplina nos dias de hoje, o importante é tentar e conseguir disciplinar tudo na vida.

 

Mesmo que não consigamos cem por cento, se conseguirmos nos aproximar de tal percentual, já ajuda, para controlarmos melhor nossa vida e afazeres. Sei que os imprevistos acontecem, mas, não podemos pensar neles constantemente, deixemos que eles aconteçam, aí sim, trataremos de administrar a situação da melhor forma ao nosso alcance.

 

De qualquer maneira, disciplinar a nossa vida é salutar, importante e pode ajudar no sucesso que sempre almejamos. Como já dissemos antes, o importante é viver o hoje, aprendendo com o passado e sem grandes preocupações com o futuro. Se plantarmos bem o nosso presente, a colheita será abundante, mesmo que algumas ervas daninhas atrapalhem o nosso caminhar.

 

LUIZ GUILHERME WINTHER DE CASTRO é professor de oratória e de técnica vocal para fala e canto em Carmo do Rio Claro/MG. Ex-professor do ensino técnico comercial – formado no Curso Normal Superior pela Unipac. E-mail: luizguilhermewintherdecastro@hotmail.com