Demolição de terreno causa transtorno a pedestres

Seção Livre

3 de janeiro de 2020

Moradores reclamam de terreno na esquina das ruas Sete de Setembro com a Manoel Patti, no centro. Segundo eles, o dono do imóvel demoliu a casa e a calçada também e, por conta disso, há transtornos para o trânsito de pedestres. A maior dificuldade, segundo moradores, é a passagem pela calçada, principalmente para idosos e pessoas com deficiências. “Impossível andar a pé, passar com carrinho de bebê ou até mesmo com uma cadeira de rodas”, afirma uma moradora. De acordo com pedestres, a passagem realmente fica difícil e, por não ter calçada, por conta da segurança com os carros, é preciso passar por dentro do terreno e com isso, além do medo de aparecer algum bicho no meio dos entulhos, quando chove, o local fica enlameado. Ao entrar em contato com a Folha, uma moradora declarou que já havia encaminhado a reclamação à prefeitura, mas que gostaria de solicitar uma especial atenção ao caso. Segundo os moradores, a reivindicação é que seja feita a construção de um muro e a reconstrução da calçada também. “O respeito passa por esses detalhes”, disse a moradora.

Resposta:

Segundo informações da Secretaria de Obras, os fiscais da prefeitura já foram até o local e fizeram a notificação e, por lei, é preciso aguardar 20 dias para que o proprietário faça a limpeza e retire os entulhos do local.