Copasa deve sanar problemas em Alpinópolis

17 de fevereiro de 2020

BELO HORIZONTE – O Procon-MG, órgão integrante do Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), realizou, no mês de janeiro, reuniões para discutir as medidas necessárias e sanar os problemas relacionados ao fornecimento de água e ao tratamento de esgoto nas cidades de Alpinópolis, Carmo do Paranaíba e Conceição do Mato Dentro.Os encontros contaram com promotores de justiça, com representantes dos municípios, da Copasa e da Agência Reguladora de Serviços de Abastecimento de Água e Esgotamento Sanitário do Estado de Minas Gerais (Arsae-MG).Para tentar solucionar os problemas de abastecimento de água e tratamento de esgoto em Alpinópolis, a Copasa deverá enviar para a Promotoria de Justiça da cidade e para a Prefeitura, no prazo de 30 dias, cópias das análises de água realizadas desde o ano de 2014, e, em 90 dias, um documento detalhado sobre a revisão do cadastro de consumidores com relação à cobrança de tarifas de coleta e tratamento de esgoto.