Companhia de dança promove Belly Disney

6 de março de 2020

Imagine que as princesas do reino encantado da Disney se transportaram para o mundo mágico da dança do ventre. Jasmine, Ariel, Pocahontas, Bela, princesa Elza, Moana e tantas outras vão se apresentar no próximo dia 6 de março, no evento Belly Disney, da Companhia de Dança Carissa Bellydance, no Teatro Gustavo José Lemos (Teatro Rotary), a partir das 20h. A entrada do evento é a doação de dois quilos de alimentos não perecíveis, que serão destinados para a Associação Espírita Santo Agostinho.

De acordo com a professora e coreógrafa Carissa Bellydance, a ideia do festival surgiu da possibilidade de realizar o sonho das alunas do grupo infantil de se apresentarem como princesas. “Neste festival, vamos trabalhar muito a expressividade e o lado lúdico da dança do ventre, pois não é somente a apresentação da coreografia em si, mas a caracterização das personagens e a busca de elementos da dança que façam um elo com as histórias clássicas da Disney. Apesar de ter surgido com o intuito de agregar as alunas do grupo infantil, tanto as do juvenil como as do grupo adulto também vão participar e reviver as emoções destas histórias que marcaram a infância”, explica.

É a primeira vez que a companhia realiza um festival temático e é também o primeiro evento da companhia neste ano. Além de apresentações de dança do ventre com músicas da Disney, também haverá apresentações com músicas árabes, de coreografias que estão sendo ensaiadas pelos grupos durante as aulas. Cerca de 50 bailarinas e 15 apresentações farão parte do Belly Disney.

“Temos bailarinas de 03 até 60 anos. Interessante que, neste evento, as alunas estão se mobilizando para criar suas próprias coreografias, pesquisando sobre as histórias, fazendo fusões e trazendo estes elementos para a dança.

 

Temos, por exemplo, a coreografia “Cores do Vento”, do filme Pocahontas, em que a dupla está usando um véu fan colorido para trazer este elemento para a apresentação ou, no caso da dupla que vai representar a Bela, do filme Bela e a Fera, que vai se apresentar com candelabro pois, na história, um dos personagens do filme é este acessório, além de ser um acessório usado na dança do ventre e que representa a celebração da vida e a união entre as pessoas”, explica a professora.
Carissa também lembra que este tipo de evento com a temática da Disney é bastante difundido entre outras escolas de dança do ventre no Brasil, que já realizaram eventos apresentando a fusão entre estes dois mundos.

Outras informações sobre o evento podem ser obtidas pelo telefone (35)3521-5791.

Doação

 

A vice-presidente da Associação Espírita Santo Agostinho, Sandra Maria Freire de Melo explica que a instituição possui um albergue noturno que acolhe pessoas em situação de rua, com uma média de atendimento de 25 pessoas por pernoite e a creche, que atende cerca de 140 crianças, com idades entre seis meses a seis anos de idade, além do projeto “Pão Nosso”, que uma vez por mês assiste 130 famílias com cestas básicas. “Por isso, necessitamos de recursos e, graças à comunidade passense, podemos ajudar as pessoas. O apoio da Companhia de Dança Carissa Bellydance e de todos que vão prestigiar este evento é imensurável, pois é com este tipo de ajuda que conseguimos fomentar estes projetos”, finaliza.