Coluna de Minas: Queijo da Mantiqueira

22 de fevereiro de 2020

Queijo da Mantiqueira

Produtores de queijo de nove municípios do Sul de Minas se reuniram em Itamonte, para receber o documento de caracterização integrada de municípios na região da Mantiqueira como produtores artesanais. O documento foi entregue pela Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater) de Minas Gerais a produtores de Aiuruoca, Baependi, Boicana de Minas, Carvalhos, Itamonte, Itanhandu, Liberdade, Passa Quatro e Pouso Alto. Eles são identificados a partir dos aspectos históricos e culturais da produção. Ainda são levados em conta o processo produtivo do leite e a fabricação do queijo. (Correio do Papagaio – São Lourenço)

Educação leva história de Uberaba

Rumo ao bicentenário de Uberaba, a Fundação Cultural realizou a primeira edição de 2020 do projeto ‘Educação Patrimonial’. A ação tem a intenção de preservar o patrimônio por meio da educação, apresentando programação interativa e musical para escolas municipais, estaduais e privadas da cidade. ‘Educação Patrimonial’ foi criado pela Seção Municipal do Patrimônio Histórico e Cultural (Sempac) em 2007 e vem sendo reformulado desde 2016. Neste ano, o tema “História, Fé e Tradições – Uberaba 200 Anos” pauta as atividades do projeto. O ‘Educação Patrimonial’ inaugurou os trabalhos do bicentenário na Escola Municipal Uberaba na semana que passou. (Jornal de Uberaba)

Fundação abre inscrições

Estão abertas as inscrições de escritores varginhenses para participação gratuita no livro “Estação dos Contos”. A publicação é uma iniciativa da Prefeitura de Varginha, com edição da Fundação Cultural, e vai ser lançada durante a FLIV 2020 – 6ª Feira Literária de Varginha. De acordo com o diretor-superintendente da Fundação Cultural, Lindon Lopes, “a publicação literária já é uma tradição em todas as edições da FLIV. Este ano, optamos por editar um livro de contos, pois nos anos anteriores foram privilegiadas as poesias”. (Correio do Sul- Varginha)

Biblioteca registra mais usuários

A Biblioteca Municipal Bueno de Rivera de Santo Antônio do Monte oferece mais de 12 mil títulos, entre livros de referência para consulta (enciclopédias, dicionários, manuais) e para empréstimo (literatura brasileira geral e infanto-juvenil, além de literatura americana, inglesa e francesa). Segundo levantamento da funcionária da Prefeitura de Samonte que atua na Biblioteca, Cristina Maria César, o número de usuários viveu um constante aumento nos últimos três anos. “Nossos registros são de 1.964 empréstimos em 2017. Número que aumentou para 2.115 em 2018 e atingiu 2.266 em 2019”, explica. (Jornal Cidade MG- Lagoa da Prata)

Câmara aprova saneamento

A Câmara de Guaxupé aprovou Projeto de Lei de autoria do Executivo que institui o Plano Municipal de Saneamento Básico e cria o Fundo Municipal de Saneamento Básico. Para explicar sobre o projeto, os edis receberam a diretora de meio ambiente da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Meio Ambiente, Rafaela Soares. Conforme ela, o projeto é importante, pois possibilita ao município de Guaxupé receber recursos da Copasa. (A Folha Regional- Muzambinho)

Trecho encontra-se entre prioridades

O trecho ferroviário entre Itaú de Minas a Ribeirão Preto e que corta São Sebastião do Paraíso está listado entre os 15 projetos que vão ser priorizados no Plano Estratégico Ferroviário de Minas Gerais. O anúncio foi feito há uma semana, durante a realização de um workshop realizado pela Secretaria de Estado de Infraestrutura e Mobilidade (Seinfra), órgão do Governo de Minas Gerais. Quando aborda o ramal desativado desde meados da década de 1980 a proposta cita a reativação da linha em um projeto a ser desenvolvido em longo prazo. (Jornal Sudoeste- São Sebastião do Paraíso)
 

Cemig

Cemig