Coluna de Minas: Núcleo para combater incêndios

20 de fevereiro de 2020

A Coordenadoria Municipal da Defesa Civil e o Corpo de Bombeiros se reuniram para aprimorar a proposta de formar Núcleos de Proteção e Defesa Civil (Nupdecs). O objetivo é criar estratégias de prevenção e enfrentamento a incêndio na área rural e de preservação florestal em Uberlândia. O evento contou com a participação de associações rurais, demais órgãos de segurança pública e conselhos. O secretário de Prevenção às Drogas, Defesa Social e Defesa Civil, Emerson Aquino, destacou que as propostas consideram a proximidade do período de estiagem, comum entre julho e outubro, que aumenta a propagação de incêndios na cidade. (Diário de Uberlândia)

 

Itaúna inaugura Oncologia

 

Uma cerimônia emocionante marcou a inauguração do Centro de Oncologia de Itaúna, construído no Hospital Manoel Gonçalves para atender os pacientes da cidade e da região, como Itatiaiuçu, Itaguara, Piracema e outras em tratamento de quimioterapia contra o câncer. Segundo a Prefeitura de Itaúna, serão liberados pelo Ministério da Saúde recursos na ordem de R$ 5.066.619,60 anuais para custeios da unidade, dinheiro que já começou a ser depositado para o início dos tratamentos e funcionamento do centro, que ainda não começou. (Folha do Povo – Itaúna)

 

Barragem chega a 37,2% da capacidade

 

A Barragem de Juramento alcançou 37,24% da sua capacidade de armazenamento na segunda-feira, 17, depois de alcançar 14,7 milímetros do volume de chuvas em fevereiro, conforme dados passados pela Copasa. A estatal mineira, que sempre coloca dificuldades para fornecer informações, exigindo muita burocracia, tomou a iniciativa de soltar nota de esclarecimento no final da segunda, depois de ser acusada de conluio com a Reflorestadora Plantar. “A Copasa esclarece que são falsas as informações que continuam circulando nas redes sociais digitais sobre o sistema de produção de água em Montes Claros”. (Gazeta Norte Mineira- Montes Claros)

Importações avançam 2%

 

A entrada de produtos estrangeiros em Divinópolis avançou 2,09% em janeiro na comparação com o mesmo período do ano passado. Dados do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDCI) confirmam o acréscimo no primeiro mês do ano, apontando China e Paraguai como os principais parceiros comerciais da cidade. Conforme os números, Divinópolis importou no primeiro mês do ano US$ 1,95 milhão de itens de outros países. No mesmo período do ano passado, a cifra ficou em US$ 1,91 milhão, ou seja, crescimento de 2,09%. O arroz foi o principal produto importado por Divinópolis em janeiro. Dos US$ 1,95 milhão, 18% foram destinados à compra do grão. (Portal Agora- Divinópolis)

 

Ctmam recebe certificação

 

O Circuito Mata Atlântica de Minas recebeu o certificado de reconhecimento do Programa de Regionalização do Turismo (PRT). Além do Circuito, outros 332 circuitos turísticos de todo o país foram contemplados, assim como quase três mil municípios, incluindo os 11 atualmente filiados da região da Mata Atlântica. A ação representa a chancela do governo federal para as regiões que movimentam viajantes e contribuem para o desenvolvimento do turismo. “A concessão deste certificado demonstra que estamos alinhados com a política de regionalização e gestão compartilhada dos destinos adotados pelo Ministério do Turismo e pela Secult (Secretaria de Estado de Cultura e Turismo)”, comentou o presidente do Circuito, Hélio Anício de Almeida. (Diário do Aço- Ipatinga)

 

HC é autorizado a iniciar captação

 

O Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Triângulo Mineiro (HC-UFTM) foi autorizado pelo Ministério da Saúde a captar e transplantar tecidos musculoesqueléticos. Com a novidade o HC-UFTM, que realiza transplantes de rins, córneas, medula óssea autólogo e valva cardíaca, passa também a transplantar ossos, tendões e ligamentos captados a partir de doadores cadáveres.  

 

Divulgação

Divulgação