Bolsonaro lamenta tentativa de ligar seu nome com caso Marielle: ‘fico chateado’

31 de outubro de 2019

<div id="infocoweb"><div id="infocoweb_cabecalho"><a target="_blank" href="https://www.ig.com.br/"><img src="https://gestor.infocoweb.com.br/images/logo_ig.png" alt="source"></a></div><div id="infocoweb_corpo"><div class="gd12"> <figure class="foto-legenda undefined"> <span> <img src="https://statig3.akamaized.net/bancodeimagens/7e/q4/h3/7eq4h3rb4qnlzh6dc7hdijl56.jpg" title="" alt="Bolsonaro" /> </span> <title>arrow-options</title> <figcaption class="undefined"> <cite>Alan Santos/PR</cite> <div class="undefined">"O que teria a ver com a morte desta senhora?", questionou Bolsonaro</div> </figcaption> </figure> </div> <p class="">O presidente Jair Bolsonaro afirmou, na manhã desta sexta-feira (15), ao chegar ao Forte dos Andradas, em Guarujá, litoral de São Paulo, que ficou "chateado" ao ler notícias divulgadas hoje sobre um possívelmandado de busca e apreensão na casa de seu filho Carlos Bolsonaro relacionadasao asssassinato da vereadora Marielle Franco. Durante conversa com jornalistas na porta do forte, opresidente ainda se classificou como um "alvo compensador".</p> <p class=""> <a href="https://ultimosegundo.ig.com.br/politica/2019-11-15/weintraub-diz-que-proclamacao-da-republica-foi-primeiro-golpe-de-estado.html" target="_blank" data-mce-href="https://ultimosegundo.ig.com.br/politica/2019-11-15/weintraub-diz-que-proclamacao-da-republica-foi-primeiro-golpe-de-estado.html">Leia também:&nbsp;Weintraub diz que Proclamação da República foi "primeiro golpe de estado"</a> </p> <p>"A vida toca. Vi uma matéria agora de que oPT quer fazer uma busca e apreensão na casa de um filho meu no Rio de Janeiro.O pessoal vê sobre busca e apreensão e pensa que está metido com que coisaerrada. Eles querem é saber se eu tenho ligação com Caso Marielle. Nãoconseguiram nada comigo, vão pra cima de um filho meu. É muita marola, masdeixa a gente chateado, não há dúvidas", disse <strong>Bolsonaro</strong> .</p> <p>Ainda enquanto se preparava para entrar no <strong>hotel</strong> em que ficará hospedado durante o feriado da <strong>Proclamação da República</strong> , Bolsonaro questionou o "que teria a ver com a morte desta senhora".</p> <p>"Tem 150 pessoas morando no meu <strong>condomínio</strong> , agora se roubam uma galinha vão me acusar de ter feito uma galinhada", provocou.</p> <p>Na entrada, o <strong>presidente</strong> foi recebido por aproximadamente 30 pessoas que o aguardavam para tirar fotos. Houve empurra-empurra e gritaria de alguns que queriam se aproximar. Bolsonaro ainda disse que irá, neste sábado, àVila Belmiro para assistir à partida entre Santos e São Paulo, que ocorre no final da tarde.</p> <p>"O pessoal sabe que eu torço para o Palmeiras,mas como amante de futebol estou indo lá para assistir a um espetáculo, tenho certeza. A torcida do Santos vai me tratar com respeito como eu sempre tratei o Brasil", apontou o presidente.</p> <p>Na sexta-feira, internautas protestaram nasredes sociais contra a ida do presidente à Vila Belmiro para assistir àpartida. Torcidas organizadas do Santos também se pronunciaram contra a ida dopresidente. </p> <h3> <strong>Passeio de moto</strong> </h3> <p>Essa não é a primeira vez que <strong>Bolsonaro</strong> se hospeda no hotel do forte. Na Páscoa deste ano, ele esteve no local eaproveitou o descanso para dar uma volta de moto pela cidade. Na entrada, parouo veículo, tirou o capacete e foi cercado por aproximadamente dez pessoas quetentavam agarra-lo e tirar foto ao seu lado.</p> <p> <a href="https://ultimosegundo.ig.com.br/brasil/2019-11-15/video-mostra-momento-em-que-pm-morre-ao-reagir-a-assalto-em-onibus-assista.html" target="_blank" data-mce-href="https://ultimosegundo.ig.com.br/brasil/2019-11-15/video-mostra-momento-em-que-pm-morre-ao-reagir-a-assalto-em-onibus-assista.html">Leia também:&nbsp;Vídeo mostra momento em que PM morre ao reagir a assalto em ônibus; assista</a> </p> <p>O Hotel de Trânsito da sede da 1ª Brigada deArtilharia Antiaérea tem uma praia privada, protegida por uma área militar e deacesso apenas pela frente do forte. O hotel ficou bastante conhecido por hospedar várias vezes o ex-presidente Lula e a primeira-dama Dona Marisa Letícia por mais de cinco vezes.&nbsp;Em dias normais, o Forte dos Andradas é aberto para visitação pública.</p></div><div id="infocoweb_rodape">Fonte: <a target="_blank" href="http://ultimosegundo.ig.com.br/politica/2019-11-15/bolsonaro-lamenta-tentativa-de-ligar-seu-nome-com-caso-marielle-fico-chateado.html">IG Política</a></div></div>