Esporte Destaques

Atlético-MG tenta manter bom retrospecto em estreia no Brasileiro

31 de Maio de 2021

Atlético tenta dar boa arrancada em busca de quebrar jejum de quase 50 anos /: Divulgação

BELO HORIZONTE – Desde que o Campeonato Brasileiro passou a ser disputado no atual formato, o Atlético não foi derrotado nas estreias como mandante. De 2007 para cá, o Galo jogou a primeira partida da Série A em casa sete vezes e jamais foi derrotado. O alvinegro tentará manter o retrospecto hoje, 30, quando receberá o Fortaleza, às 11h, no Mineirão.

Das sete estreias em casa, foram cinco vitórias e dois empates. Os adversários foram: Náutico, Fluminense, Vasco, Athletico-PR, Corinthians, Santos e Avaí.

Na nova edição do Campeonato Brasileiro, que começa neste sábado, o Atlético é um dos favoritos ao título. O alvinegro manteve a base do elenco que terminou na terceira posição na última temporada e se reforçou com peças pontuais.

“Reforçamos nosso elenco. Em 2020, batemos na trave e tropeçamos em algumas partidas que não poderíamos tropeçar. Mas, este ano, é diferente. A equipe está mais madura e chegaram grandes jogadores que vão nos ajudar bastante. A gente vem bem mais forte do que no ano passado neste Brasileiro de 2021”, disse o lateral-esquerdo Guilherme Arana.

Nas casas de apostas, o Atlético é tratado como postulante ao G4. Na visão de empresas que trabalham com mercados de longo prazo no Campeonato Brasileiro, Flamengo, Palmeiras e São Paulo estão à frente do alvinegro.
O Atlético vive boa fase na temporada. Já são 12 jogos sem derrota, com oito vitórias e quatro empates. No período, o alvinegro conquistou o título mineiro e garantiu a melhor campanha da fase de grupos da Copa Libertadores.

Problema em 2020, a defesa do Atlético está em evolução. O time não levou gol nos últimos quatro jogos realizados. Na atual temporada, o Galo jogou 21 vezes e terminou 11 sem ser vazado.

A Série A do Campeonato Brasileiro começou ontem, 29, e vai até o mês de dezembro. Como de costume, 20 clubes estarão na disputa pelo título durante as 38 rodadas, mas somente 16 deles serão contemplados financeiramente por seus desempenhos ao término da temporada. O modelo de distribuição das premiações se mantém igual ao do ano passado.