Destaques Educação

Prefeitura anuncia ajuda financeira para escolas municipais de Paraíso

7 de janeiro de 2021

O prefeito Marcelo Morais quer descentralizar a Secretaria e enxugar a máquina. / Foto: Divulgação

S. S. PARAÍSO – A Prefeitura de São Sebastião do Paraíso promoveu ontem de manhã uma reunião com diretoras da rede municipal de Educação para ouvir demandas das escolas e pontuar questões que já foram levantas pela municipalidade, entre elas a uniformização da rede e algumas adequações que serão feitas em relação ao quadro funcional da Secretaria Municipal de Educação.


Você também pode gostar de:

Helena e Heitor lideram os nomes de crianças nascidas em Passos em 2020

Segundo o prefeito Marcelo Morais, a intenção é descentralizar a Secretaria e enxugar a máquina. Durante o encontro, ele anunciou também aporte financeiro para atender as demandas de cada escola, que atualmente organizaram diversos eventos a fim de arrecadar recursos para manter as atividades.

O anúncio da ajuda financeira gerou comoção entre as diretoras, que destacaram diversos problemas estruturais em suas escolas e que, a partir de agora, terão uma atenção especial da municipalidade. O prefeito ressaltou que, independente do secretário municipal de Educação e Cultura, esta será uma pasta que ele estará sempre se inteirando para poder acompanhar o desenvolvimento das ações no município.

Morais ressaltou também que, entre as mudanças imediatas que ocorrerão, uma dela é em relação à contabilidade das escolas, que atualmente é feita por cada direção. Segundo Marcelo, será destinada para a Educação uma contabilidade exclusiva. Durante a reunião, o prefeito também pediu para que cada diretora apresentasse um plano de ação para o retorno às aulas, bem como um planejamento de acordo com a necessidade de cada instituição.

A ideia, neste primeiro momento, é que se faça um levantamento técnico de cada escola para um planejamento de ações e, um sonho que eu sempre tive, é mandar recursos direto para as escolas. Deste modo, cada diretora terá condição de fazer aquilo de que necessita, já que cada uma conhece a própria realidade da sua escola. O que acontece hoje, de cada escola promover eventos para arrecadar dinheiro e fazer sua escola funcionar me preocupa muito porque nós temos recursos da educação que podem ser redirecionados para isso“, afirmou.

Por fim, o prefeito destacou que as diretoras devem apresentar um plano de ação para o início da volta às aulas, para que o município possa dar condições às escolas de iniciar as atividades com segurança para os profissionais da rede e alunos.

Nossa ideia é fazer com que todas as escolas estejam preparadas para este início. Ainda não sabemos quando isto vai acontecer, mas já precisamos estar preparados para a volta às aulas. Temos muito trabalho pela frente, mas vamos começar de vagar e fazer o que precisa ser feito“, completou.