Destaques Educação

Furnas promove inclusão digital para alunos do fundamental

19 de novembro de 2020

Secretária relata entusiasmo por parte de alunos para volta as aulas de robótica. / Foto: Divulgação

ITAMOGI – Uma parceria de FURNAS com a Secretaria de Educação de Itamogi-MG vai promover a inclusão digital e beneficiar 519 estudantes do 3º ao 5º ano do ensino fundamental, das escolas municipais Lucimar Medeiros Vieira, Mailon Furtado de Medeiros e Diretora Sebastiana Bernadino da Gosta Elias. Por meio do projeto “Educar Para Transformar”, três salas de aulas foram transformadas em espaços digitais, equipadas com computadores, impressoras e equipamentos multimídia para atender aos alunos que não têm acesso à internet.

A contribuição de FURNAS para o aprimoramento do processo educacional e a possibilidade de conectar os estudantes com ferramentas tecnológicas aconteceu por meio do edital de Seleção de Conselhos e Fundos de Direitos da Criança e do Adolescente que equipou as escolas, incrementando salas de inclusão digital e a gestão das instituições de ensino fundamental”, explica Marcos Machado, gerente de Responsabilidade Sociocultural de FURNAS.

Por conta da pandemia, as atividades escolares seguem remotamente, mas os alunos que não possuem meios de acessar as aulas online já podem contar com as salas digitais para acessar a internet e checar as tarefas. Além de moderno, o espaço foi totalmente preparado para esse período de pandemia, respeitando todos os protocolos sanitários. Além de garantir aos alunos ambiente apropriado e promover a inclusão digital e social das crianças e adolescentes, o novo ambiente proporciona uma educação de qualidade, para desempenho com eficiência do aprendizado.

O ano de 2020 tem sido desafiador para todas as pessoas e trouxe dificuldades para escolas de todo o país com a interrupção das aulas. FURNAS está pronta a apoiar a educação brasileira de modo que prossigam com seus estudos na expectativa de um futuro melhor”, enfatiza Cláudia Tenório, assistente social da gerência de Responsabilidade Sociocultural da empresa.

LEIA TAMBÉM: PMP já gastou mais de R$1,5 mi em ações contra a covid-19