Destaques Educação

Curso de Nutrição da Uemg alcança 4 pontos no Enade

22 de outubro de 2020

Foto: Divulgação (Agência Brasil)

PASSOS – O resultado do Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade) de 2019 foi divulgado nesta semana pelo Ministério da Educação (Mec), por meio do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). Conforme o relatórios apresentados pelo órgão, a Universidade do Estado de Minas Gerais (Uemg), unidade Passos, teve nove cursos avaliados e, entre estes, cinco receberam nota 2, três tiveram a média em 3 e um alcançou o nível 4 de pontuação, considerando que a apreciação máxima podia chegar a 5.

No município, a maior nota foi alcançada pelo curso de Nutrição, uma vez que a prova é utilizada para avaliar o ensino superior em todo o Brasil, sendo que é destinada aos alunos que já concluíram mais de 80% da graduação. Ainda, o Enade se dá como base para o Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes), estabelecido pela Lei 10861/2004 e, para chegar ao resultado, o cálculo é efetuado de acordo com o local enquadrado na área de abrangência do exame e do desempenho dos estudantes. No relatório, ainda são apresentados o conceito de cada tipo de formação, o desempenho e a percepção dos discentes, as respostas apresentadas no questionário dos alunos e as estatísticas gerais.

Para Márcio Antônio Valadão, secretário acadêmico da Uemg, a avaliação serve como parâmetro para a elaboração de projetos que devem contribuir com o sistema de ensino.

Explicando sobre a importância da prova, podemos perceber que existem notas que precisam ser melhoradas e, reconhecendo as principais necessidades dos alunos, podemos criar estratégias para garantir a qualidade da educação que oferecemos à comunidade. Com a atualização dos resultados, identificamos que a situação vem melhorando desde a estadualização da universidade; o que deixa claro que estamos evoluindo e colocando profissionais qualificados no mercado de trabalho”, esclareceu.

Sobre a nota alcançada pelos graduandos em Nutrição, Lúcia Helena Abi-Ramia Botrel, coordenadora do curso, explica que o resultado se deu pela dedicação dos alunos, que contaram com bases teóricas, práticas e argumentativas.

Preparamos discentes para promover saúde por meio da alimentação e, uma graduação bem avaliada, é um referencial para que outros estudantes interessados na área saibam a qualidade do conteúdo que ministramos, o que também valoriza a nossa unidade da Uemg”, disse a professora.

Diferente de outros exames aplicados Inep, o Enade conta com a Teoria Clássica dos Testes (TCT), o que não garante a comparabilidade entre edições da prova e, deste modo, a padronização para o cálculo garante a verificação entre determinadas áreas e anos, embora nunca entre diferentes tiragens. Em razão das possíveis limitações dos instrumentos de correção, o órgão educacional considera os dados relativos aos resultados e à opinião dos discentes, posto que as informações indicam a realidade institucional e as devidas necessidades de cada graduação.