Destaques Educação

Alunos de Alpinópolis participam como conferencistas em projeto ambiental

1 de dezembro de 2020

Foto: Divulgação (Site EBC)

ALPINÓPOLIS – Dois estudantes de Alpinópolis foram conferencistas do webinar “Fórum Escolar para Qualidade de Vida e Preservação de Mananciais”, promovido no dia 24 de novembro de 2020, pelo Programa Chuá de Educação Sanitária e Ambiental, da Companhia de Saneamento de Minas Gerais, a Copasa.


LEIA TAMBÉM: Bombeiros fazem visita especial a criança em Passos

Em mais de uma hora e meia de duração, as apresentações virtuais de estudantes de nove escolas mineiras, que tinham entre 10 e 15 anos, foram mediadas pelo superintendente de Desenvolvimento Ambiental da Copasa, Nelson Cunha Guimarães, e pela coordenadora do programa, Tereza Bernardes. Os sotaques eram vários, mas a preocupação era uma só: proteger o meio ambiente.

O jovem conferencista de Alpinópolis, José Augusto Santos Esteves, do 7º ano do Instituto Educacional Padre Ubirajara Cabral, o Iepuc, falou sobre os diversos projetos socioambientais desenvolvidos pela escola e de como a instituição se converteu em um agente transformador na questão ambiental. Já seu colega Victor Moraes Silva, do 6º ano do Colégio Albertino Gonçalves dos Reis, falou sobre a proteção e o processo de recuperação da Gruta de Alpinópolis.

Na abertura do webinar, Nelson Guimarães ressaltou que, em 30 anos, o ‘Programa Chuá de Educação Sanitária e Ambiental’ já chegou a mais de um milhão de estudantes em toda Minas Gerais, levando informações sobre as ações de saneamento da Copasa e promovendo visitas monitoradas às Estações de Tratamento de Água e Esgoto (ETAs e ETEs), com uma proposta pedagógica voltada para a proteção e a preservação de mananciais como a iniciativa do ‘Chuá Socioambiental’.

O ‘Encontro Chuá Virtual – da árvore ao rio’, durou dois meses e teve a participação de nove escolas. Em cada encontro, que variou de 50 a 120 minutos, com a participação média de 28 estudantes, tinha um novo tema abordado. Os trabalhos começaram no Dia da Árvore (21 de setembro) e foram concluídos no Dia do Rio (24 de novembro), por isso foram denominados “Da Árvore ao Rio”.

Dois estudantes de Alpinópolis participaram como conferencistas no webinar
“Fórum Escolar para Qualidade de Vida e Preservação de Mananciais. / Foto: Divulgação