Destaques Política

Vice-governador e secretário estadual se reúnem com Diego

Por Beatriz Silva / Redação

24 de fevereiro de 2021

Foto: Divulgação

PASSOS – O vice-governador de Minas Gerais, Paulo Eduardo Rocha Brant, e o secretário de Desenvolvimento Econômico do estado, Fernando Passalio de Avelar, estiveram ontem em Passos para apresentar as inovações propostas pelo governo em relação ao desenvolvimento econômico mineiro.


Você também pode gostar de: Região tem 153 casos prováveis de dengue

Durante o encontro, realizado na sede da Associação dos Municípios da Microrregião do Médio Rio Grande (Ameg), também foram discutidas ações para a criação de emprego e renda em território passense. Entre os projetos, Paulo Brandt destacou a possibilidade da restituição do terreno da Companhia de Armazéns e Silos do Estado de Minas Gerais (Casemg), o qual deixou de ser patrimônio municipal em junho do ano passado.

Um dos gargalos na atração de investimento às cidades de todo país é a disponibilidade de terreno. A curto prazo, Passos compreende o terreno da Casemg, que hoje está em posse do Governo Federal – o local possui 50 mil metros quadrados, é uma área com dimensões razoáveis, portanto, estamos alinhados com a federação, para que a propriedade seja transferida ao município e, assim, seja transformada em uma área industrial, atraindo novos investidores”, disse Brandt.

Além de esforços voltados ao turismo de Passos e região, o secretário de Desenvolvimento Econômico do estado falou sobre a importância de diversificar a economia.

O turismo não deixa de ser um setor importantíssimo, mas é interessante que ocorra o maior proveito de outros setores que, do mesmo modo, são muito promissores, tal como o moveleiro, o de laticínios e de confecção”, disse Avelar.

Quanto às propostas do governo, o secretário apresentou o programa ‘Minas Livre para Crescer’, que objetiva a redução de entraves nos processos burocráticos.

O Minas Livre para Crescer conta com o apoio de empreendedores, futuros empreendedores, e entidades parceiras para identificação de normas e medidas que podem ser modificadas para a melhoria do ambiente de negócios. Entre suas ações, centenas de atividades passaram a dispensar alvará, tal como as de confecção de peças de vestuário e o comércio atacadista de móveis e artigos de colchoaria”, explicou.

Durante o evento, Marcelo Silva Coimbra, diretor de comunicação da Associação Comercial e Industrial de Móveis de Passos (Acimov-Passos), apresentou a história e os projetos do setor no município. Entre eles, pontuou o esboço, junto ao Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) e ao Centro de Aprendizagem Pró-Menor de Passos (CAPP), de uma escola de formação e qualificação de mão de obra. Sobre a Acimov-Passos, o vice-governador ressaltou a importância de ouvir as demandas para que sejam avaliadas e atendidas.

O nosso objetivo é escutar. Ouvimos várias demandas do prefeito e começamos a trabalhar algumas delas, mas estamos aqui para atender a todos, e entender o que o governo pode fazer para colaborar para o melhor desenvolvimento econômico local”, disse.

O idealizador do evento, prefeito de Passos, Diego Rodrigo Oliveira, agradeceu a presença da comitiva do vice-governador e disse esperar bons resultados em parceria com o governo estadual.

Passos está em festa por receber os senhores em nosso município, estou muito feliz com o evento e com tudo o que foi proposto”, afirmou.