Destaques Geral

Valor de ingresso será devolvido após festa ser cancelada

26 de setembro de 2020

Os saques em dinheiro podem ser feitos nas Lotéricas, Correspondentes Caixa Aqui ou mesmo nas agências. / Foto: Divulgação (Agência Brasil)

S. S. PARAÍSO – As pessoas que adquiriram ingressos para a festa “Paradise Exclusive”, que foi cancelada devido à greve dos caminhoneiros, em 2018, devem ser ressarcidas pela organização do evento. A decisão foi do juiz Osvaldo Medeiros Neri, da 1ª Vara Civil da Comarca de São Sebastião do Paraíso.

O magistrado acatou a Ação Civil Pública movida contra os organizadores da festa no último dia 17 de agosto. O evento, que teria o cantor Jerry Smith como atração principal, seria realizado no dia 21 de abril de 2018 e foi prorrogado para o dia 26 de maio daquele ano, mas acabou cancelado devido à greve dos caminhoneiros.

De acordo com Fábio Martins, coordenador do Procon de São Sebastião do Paraíso, os consumidores que adquiriram e não conseguiram de volta o valor pago pelo ingresso terão direito ao ressarcimento, que ocorrerá em duas fases:

A primeira refere-se ao cadastramento do consumidor, na qual os consumidores interessados deverão comparecer ao Procon, entre os dias 5 e 16 de outubro, portando o ingresso original, mais os documentos pessoais e informações bancárias, a fim de preencher o formulário e deixar o referido ingresso”.

Ainda segundo o coordenador do órgão de defesa ao consumidor em Paraíso, a segunda fase do processo de ressarcimento deve acontecer entre 30 a 60 dias após o cadastramento realizado no Procon. O Procon de Paraíso está localizado à rua Dr. Pimenta de Pádua, 1.237, no centro da cidade. O atendimento acontece das 13h às 17h. Telefones (35) 3539-1092 (ligação e WhatsApp) e 3539-1093.