Destaques Geral

Sindicância confirma antecipação de vacinação na SRE-Passos

21 de julho de 2021

Foto: Divulgação

A Sindicância da Controladoria Geral de Passos confirmou, nesta terça-feira, 20, que no mínimo, 19 servidores da Superintendência Regional de Ensino de Passos (SRE-Passps), foram imunizados contra a covid-19 antes do momento certo, entre os dias 18 e 20 de junho. Como o município segue o Plano Nacional de Imunização (PNI), o grupo não podia ter sido vacinado naquele momento.

O órgão constatou que os documentos que autorizavam a vacinação antecipada, estavam em desacordo com as indicações da cidade. Nos circulares adulterados, foi inserido um novo grupo que não existia no original: a opção de vacinar profissionais da SRE. A documentação foi assinada pela então Superintendente Lael Helena Keller Souza, afastada do cargo depois que a sindicância foi aberta.

De acordo com Controlador-Adjunto Geral do Município, Jeferson Faria, os funcionários da educação receberam uma circular que autorizou a imunização e que não teriam agido de má fé. “Todos eles receberam uma mensagem circular, em rede social, da Superintendência Regional de Ensino, que estariam prontas as declarações para que os mesmos pudessem vacinar. Eles pegaram as declarações, foram ao setor de saúde e vacinaram. Dos servidores que utilizaram das declarações para vacinação, não vi má fé e nenhum ilícito, porque foi uma circular que gerou dentro da própria Superintendência de Ensino e que levou ao local de vacinação”, explicou.

O delegado responsável pelo caso, Felipe Capute, informou que está ouvindo os envolvidos e só vai se pronunciar quando concluir o inquérito.