Destaques Geral

Sicredi realiza crédito de R$ 12,3 milhões na conta dos associados

21 de Maio de 2022

PASSOS – A Sicredi das Culturas RS/MG depositou na última quinta-feira, 19, na conta de seus associados, o valor de R$ 12,3 milhões, referente à distribuição de resultados do ano de 2021. Todos os anos, após realizar a apuração dos resultados do exercício e as destinações legais e estatutárias, a cooperativa divide com seus associados o resultado líquido do exercício do ano anterior. A distribuição de resultados é mais um benefício dos associados da instituição financeira cooperativa e funciona como um cashback anual, proporcional aos negócios realizados.

Além do valor de R$ 12,3 milhões, distribuído na conta poupança e no capital social dos associados, a cooperativa creditou no mês de dezembro de 2021, o valor de R$ 1,2 milhão em juros pagos ao capital social. Dessa forma, o valor total entregue ao associado da Sicredi das Culturas RS/MG, referente ao exercício de 2021, foi de R$ 13,5 milhões.

O resultado é dividido entre os associados na proporção dos negócios que ele realiza com a cooperativa durante o ano. O valor é destinado para associados que investem no Sicredi em poupança ou aplicações, o que significa que no Sicredi o associado recebe um rendimento a mais em investimento. Os associados que realizam investimentos em poupança, por exemplo, contam com o rendimento tradicional para este produto e ainda recebem a sua participação nos resultados sobre seu saldo médio, que no ano de 2021 representou três meses a mais de rentabilidade. Sendo assim, a poupança no Sicredi rende mais para o associado e o recurso ainda fica na região, desenvolvendo as comunidades locais. Outra parte é para aqueles que escolhem o Sicredi como parceiro para tomar crédito e também para os que utilizam os demais produtos e serviços, como cartões Sicredi, seguros, consórcios, entre outras soluções financeiras.

 

Resultados

O volume total do resultado de 2021 da Sicredi das Culturas RS/MG ultrapassou R$ 62 milhões. A cooperativa conta hoje mais de 65 mil associados em 13 municípios da região do Rio Grande do Sul. No momento, já expandiu para cinco dos 28 municípios do sudoeste de Minas Gerais onde está realizando a abertura de agências, somando 41 municípios em sua área de abrangência. Os ativos administrados pela Sicredi das Culturas RS/MG são de mais de R$ 3 bilhões, o patrimônio líquido encerrou o ano de 2021 em mais de R$ 320 milhões e as operações de crédito em R$ 1,4 bilhão.

Além de ser depositado na conta dos associados, parte do resultado da cooperativa também é revertido em ações para a comunidade. A partir das deliberações realizadas nas Assembleias da Sicredi das Culturas RS/MG, com a participação dos associados, são feitas as destinações para o Fundo de Cooperação e Inovação, e a partir dele são colocados em prática projetos como o Programa a União Faz a Vida (PUFV), que é voltado para a área da educação, e o Programa Empreender para Transformar, o PET, que destina recursos para projetos que podem ser de cunho cultural, educacional, esportivo e sustentável, sendo desenvolvidos na área de ação da Sicredi das Culturas RS/MG. O PET está com inscrições abertas até o dia 23 de maio, próxima segunda-feira, pelo site sicredi.com.br/coop/culturasrsmg/pet/

A Sicredi das Culturas RS/MG identificou ainda mais uma oportunidade de contribuir para a melhoria da qualidade de vida da sociedade local e desenvolveu a ação “Invista no Bem”, que tem como objetivo contribuir financeiramente com entidades sem fins lucrativos de toda a área de ação da cooperativa. A partir do Invista no Bem, a cada novo aporte em investimento realizado pelos associados, a Sicredi das Culturas RS/MG doará um percentual para uma entidade sem fins lucrativos de escolha do investidor, e esta doação feita a partir do Invista no Bem não impacta no rendimento do valor investido. O associado aumenta seus rendimentos e ainda contribui com instituições da comunidade. A ação iniciou em fevereiro deste ano, e já possui mais de 200 entidades com doações a receber. Essa destinação acontecer no mês de julho, somando valor superior a R$ 240 mil.